Busca avançada
Ano de início
Entree

Variabilidade climática e doenças diarreicas: padrões, vulnerabilidade e tendências na cidade de Caraguatatuba – SP

Processo: 10/09558-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2010
Vigência (Término): 30 de setembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Outras Sociologias Específicas
Pesquisador responsável:Sonia Regina da Cal Seixas
Beneficiário:Gabriela Farias Asmus
Instituição-sede: Núcleo de Estudos e Pesquisas Ambientais (NEPAM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:08/58159-7 - Crescimento populacional, vulnerabilidade e adaptação: dimensões sociais e ecológicas das mudanças climáticas no litoral de São Paulo, AP.PFPMCG.TEM
Bolsa(s) vinculada(s):12/21879-8 - Determinantes culturais da diarréia em comunidades costeiras no contexto das mudanças ambientais globais, BE.EP.DR
Assunto(s):Vulnerabilidade   Doenças do sistema digestório   Diarreia   Mudança climática   Litoral   Caraguatatuba (SP)

Resumo

As doenças diarreicas, responsáveis por cerca de 1,5 milhões de mortes anuais de crianças no mundo, são associadas à baixa qualidade no abastecimento de água e coleta de esgoto. Acredita-se que as mudanças na temperatura, no regime de chuvas, e a ocorrência de enchentes decorrentes das alterações climáticas possam potencializar a incidência de doenças diarreicas, agravando o quadro epidemiológico das populações. Caraguatatuba é um município localizado no Litoral Norte paulista, região cujas características sociais, geográficas e demográficas sugerem alta vulnerabilidade aos impactos do clima na saúde. Utilizando este município como estudo de caso, esta pesquisa pretende avaliar: 1) Se as doenças diarreicas da população residente estão historicamente relacionadas aos fatores meteorológicos registrados nesta localidade (período: 2000-2010); 2) Se aspectos socioeconômicos influenciam as notificações de doenças diarreicas da população; 3) Se os instrumentos de monitoramento epidemiológico disponibilizados pelo SUS são condizentes com a realidade epidemiológica da população. Neste contexto, esta pesquisa de doutorado, vinculada ao projeto TEMÁTICO FAPESP (processo no. 2008/58159-7), se propõe a contribuir com informações referentes à vulnerabilidade epidemiológica de uma população representante do litoral do Estado de São Paulo, gerando bases sólidas para discussões e sugestões de diretrizes para mitigação dos impactos das mudanças climáticas no setor da saúde pública. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
ASMUS, Gabriela Farias. Vulnerabilidade em saúde no contexto de mudanças ambientais : o caso das doenças de transmissão hídrica em Caraguatatuba, Litoral Norte - SP. 2014. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.