Busca avançada
Ano de início
Entree

Agricultura, pastagens e mata nativa: cálculo e simulação dos valores monetários dos fluxos hidrológicos e do carbono na bacia do taquarizinho utilizando a metodologia emergética

Processo: 10/51714-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2011
Vigência (Término): 31 de agosto de 2012
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Engenharia de Alimentos
Pesquisador responsável:Enrique Ortega Rodriguez
Beneficiário:Marcos Djun Barbosa Watanabe
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Serviços ambientais   Ciclo do carbono   Ciclo hidrológico

Resumo

Os sistemas de produção agrícola apresentam extensas áreas inseridas em bacias hidrográficas as quais, por sua vez, têm sua sustentabilidade afetada pela interferência de tais sistemas em seus ciclos biogeoquímicos. Apesar da importância do suprimento de alimentos e energia para a sociedade, outros bens e serviços são também fundamentais para o seu bem-estar. É o caso da água, que é um fator de produção para a indústria e agricultura, e também essencial para a manutenção dos domicílios e o comércio em áreas urbanas. Neste contexto, o presente projeto de pesquisa pretende estudar de que maneira sistemas produtores de energia e alimentos afetam aqueles produtores de água na Bacia do Alto Paraguai (BAP). Este estudo pretende construir um modelo determinístico para simular e realizar a valoração dos fluxos hidrológicos em áreas ocupadas por cana-de-açúcar, pastagens e mata nativa. O foco da pesquisa será comparar, ao longo do tempo, o valor monetário dos fluxos gerados por diferentes tipos de uso da terra (US$.ha-1.ano-1) para diferentes cenários de ocupação de uma microbacia inserida na BAP. A metodologia empregada utilizará o conceito de emergia para a valoração de serviços ambientais (e de áreas agrícolas), a qual atribui valor aos mesmos em equivalentes de dólar baseando-se na relação entre a energia dos inputs e o fluxo de massa de água cada um dos outputs gerados pelo mesmo sistema. Além disto, pretende-se vincular o modelo hidrológico com os principais processos de seqüestro e emissão de C02 e CH4, a fim de entender como alguns processos do ciclo do carbono são afetados pela precipitação e quais os valores monetários relacionados a tais fluxos biogeoquímicos. Os resultados obtidos darão suporte aos mecanismos de compensação à proteção de sistemas produtores de água em microbacias hidrográficas. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
WATANABE, Marcos Djun Barbosa. Agricultura, pastagens e mata nativa : cálculo e simulação dos valores monetários dos fluxos hidrológicos e do carbono na Bacia do taquarizinho utilizando a metodologia emergética. 2012. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Faculdade de Engenharia de Alimentos.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.