Busca avançada
Ano de início
Entree

Determinação de loci de camundongos responsáveis pela resistência natural à infecção pelo Trypanosoma Cruzi

Processo: 10/13983-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2011
Vigência (Término): 30 de setembro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Quantitativa
Pesquisador responsável:Dario Simões Zamboni
Beneficiário:Tiago Lara Michelin Sanches
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:06/52867-4 - Reconhecimento de patógenos bacterianos por receptores intracelulares e sua importância no controle da infecção microbiana, AP.JP
Assunto(s):Camundongos   Biologia computacional   Suscetibilidade   Trypanosoma cruzi

Resumo

As diferenças entre suscetibilidade de cepas isogênicas de camundongos frente a modelos de infecção murina revelaram, nos últimos anos, novos genes e mecanismos moleculares responsáveis pelo controle das infecções microbianas e parasitárias. A discrepante suscetibilidade de camundongos da linhagem isogênica A/J em relação ao da linhagem isogênica C57BL/6 frente a infecção por Trypanosoma cruzi sugere a existência de fatores genéticos do hospedeiro que contribuem para a resistência ao parasito. Como as características de suscetibilidade e resistência podem ser moduladas por variáveis quantitativas, nós formulamos a hipótese de que a sobrevida do animal e a variação da parasitemia dos animais infectados possam ser bons marcadores para serem mapeados no genoma dos camundongos, através de uma análise por QTL (Quantitative trait loci, loci de traço quantitativo). Desse modo, com o auxílio da Bioinformática, aplicamos métodos estatísticos de correlação implementados em softwares, como o pacote R/qtl, em um modelo experimental de infecção por T.cruzi em camundongos.