Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do perfil de citotoxicidade, mutagenicidade e genotoxicidade dos corantes corantes Basic Red 51, basic yellow 57 e P-Fenilenodiamina usados na tintura de cabelo em células da pele

Processo: 10/07116-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2011
Vigência (Término): 30 de abril de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Análise Toxicológica
Pesquisador responsável:Danielle Palma de Oliveira
Beneficiário:Thalita Boldrin Zanoni
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):12/05961-6 - Estudos in vitro do potencial de stress oxidativo e de imunotoxicidade dos corantes basic red 51 e basic yellow 57 em queratinócitos humanos, BE.EP.DR
Assunto(s):Toxicologia ambiental   Morte celular

Resumo

Os corantes naturais têm sido aplicados com a finalidade de tingir cabelos desde a antiguidade. A descoberta da para-fenilenodiamina (PPD) no século XIX permitiu o desenvolvimento das indústrias na fabricação de corantes sintéticos com a mesma finalidade. Os cabelos podem ser tingidos por três mecanismos: I- temporário com corantes básicos, tais como: Basic Blue 41, Basic Red 76, Basic Yellow 57, Basic Brown 17, entre outros; II- Semi-permanentes: são os corantes nitroaromáticos (direct red 23), denominados de corantes diretos; III- Permanentes: O processo químico oxidativo é envolvido nas tinturas permanentes dos cabelos, aplicando compostos como o para-fenilenodiamina (PPD) e a para-toluenodiamina (PTD). O presente projeto pretende determinar a IC50 da para-fenilenodiamina (PPD) e dos corantes Direct Red 23 e Basic Blue 41 em melanócitos, queratinócitos, fibroblastos e melanomas (SKMel-9) e ( SKMel-3) para que posteriormente seja possível investigar o tipo de morte celular e possíveis alterações dos compostos no ciclo celular. Dependendo dos resultados apresentados, os corantes serão aplicados á derme e pele artificial na tentativa de determinar os danos em uma situação próxima da real. Além disso, será investigado o perfil de mutagenicidade dos corantes usando o ensaio com Salmonella e teste do Cometa usando queratinócitos humanos.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ZANONI, THALITA B.; HUDARI, FELIPE; MUNNIA, ARMELLE; PELUSO, MARCO; GODSCHALK, ROGER W.; ZANONI, MARIA VALNICE B.; DEN HARTOG, GERTJAN J. M.; BAST, AALT; BARROS, SILVIA B. M.; MARIA-ENGLER, SILVYA S.; HAGEMAN, GEJA J.; DE OLIVEIRA, DANIELLE PALMA. The oxidation of p-phenylenediamine, an ingredient used for permanent hair dyeing purposes, leads to the formation of hydroxyl radicals: Oxidative stress and DNA damage in human immortalized keratinocytes. Toxicology Letters, v. 239, n. 3, p. 194-204, DEC 15 2015. Citações Web of Science: 11.
ZANONI, THALITA B.; TIAGO, MANOELA; FAIAO-FLORES, FERNANDA; DE MORAES BARROS, SILVIA B.; BAST, AALT; HAGEMAN, GEJA; DE OLIVEIRA, DANIELLE PALMA; MARIA-ENGLER, SILVYA S. Basic Red 51, a permitted semi-permanent hair dye, is cytotoxic to human skin cells: Studies in monolayer and 3D skin model using human keratinocytes (HaCaT). Toxicology Letters, v. 227, n. 2, p. 139-149, JUN 5 2014. Citações Web of Science: 14.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
ZANONI, Thalita Boldrin. Avaliação do perfil de citotoxicidade, mutagenicidade e genotoxicidade dos corantes Basic Red 51, Basic Yellow 57 e P-Fenilenodiamina usados na tintura de cabelo em células da pele. 2014. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto Ribeirão Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.