Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização genotípica de plantas matrizes de cafeeiros e suas progênies clonais

Processo: 10/14240-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2011
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Oliveiro Guerreiro Filho
Beneficiário:Kênia Carvalho de Oliveira
Instituição-sede: Instituto Agronômico (IAC). Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Coffea arabica   Técnicas in vitro   Marcador molecular

Resumo

Um dos aspectos mais relevantes no melhoramento de plantas é a manutenção das características agronômicas desejáveis durante o processo de seleção e na cultivar definitiva. Dentre as etapas que podem levar à perda desses atributos, a multiplicação de genótipos através da cultura de tecidos e/ou micropropagação é reconhecidamente um processo que pode levar a alterações genéticas, resultando no desenvolvimento de variações da plantas matrizes, a chamada variação somaclonal. Neste sentido, uma caracterização genotípica tanto de plantas matrizes quanto de plantas clonadas é essencial para identificação destas e para estimar a variabilidade genética entre ambas. Neste projeto pretende-se caracterizar plantas matrizes e clonadas através de marcadores moleculares, visando estimar possíveis diferenças genéticas entre as plantas. Serão avaliados três genótipos de café resistentes à ferrugem, bicho-mineiro e nematóide, respectivamente. Os marcadores moleculares propostos para esta avaliação incluem 35 microsatélites, genômicos e expressos, e 10 genes diferencialmente expressos entre tecidos e cultura de células. Tanto os microsatélites expressos quanto os genes serão identificados a partir de buscas dirigidas no Bando de Dados do Genoma Café. Para a análise dos dados será utilizada a estatística multivariada. Trata-se de passo importante no melhoramento do cafeeiro visando avaliar possíveis re-arranjos genéticos decorrentes do cultivo in vitro.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.