Busca avançada
Ano de início
Entree

Interação entre temperatura e disponibilidade hídrica e os seus efeitos na fotossíntese e crescimento de laranjeira 'Valência' enxertada em limoeiro 'Cravo' e citrumeleiro 'Swingle'

Processo: 10/14640-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2011
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Rafael Vasconcelos Ribeiro
Beneficiário:Fernanda Keila Junqueira Vilela
Instituição-sede: Instituto Agronômico (IAC). Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Fotoquímica   Troca gasosa   Porta-enxertos   Citrus sinensis   Estresse hídrico   Fisiologia vegetal   Carboidratos

Resumo

Variações nos regimes de temperatura e hídrico geram modificações no metabolismo da planta resultando em mudanças no padrão de crescimento e desenvolvimento. O objetivo desse projeto de pesquisa é testar as seguintes hipóteses: 1) em ambiente quente, observam-se maior fotossíntese e crescimento em laranjeiras 'Valência' enxertadas em limoeiro 'Cravo' quando comparadas às enxertadas em citrumeleiro 'Swingle', independente da condição hídrica; 2) em ambiente frio, espera-se melhor desempenho fotossintético e crescimento em laranjeiras enxertadas em 'Swingle' quando comparadas às enxertadas em 'Cravo', com boa disponibilidade hídrica. Já quando há restrição de água em ambiente frio, o conhecimento atual impede a elaboração de uma hipótese sobre o desempenho de laranjeiras. Dessa forma, esta proposta de pesquisa objetiva também responder a seguinte pergunta: Qual combinação copa/porta-enxerto teria melhor desempenho fisiológico em condições de déficit hídrico e baixa temperatura? As plantas serão submetidas aos regimes de temperatura (dia/noite) de 25/10 ºC e 35/20 ºC, por 20 dias. Em cada regime térmico, uma metade do lote de plantas será mantida com substrato próximo a 80% da capacidade de campo e a outra metade a 40%. Serão avaliadas a fotossíntese, as relações hídricas, a variação diária de carboidratos nas folhas, ramos e raízes, a partição de massa seca e algumas características biométricas. O delineamento experimental será em blocos ao acaso, em esquema fatorial, com seis repetições. Os dados serão submetidos à análise de variância e as médias comparadas pelo teste de Tukey a 5% de probabilidade.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PEDROSO, FERNANDA K. J. V.; PRUDENTE, DANIELLE A.; BUENO, ANA CAROLINA R.; MACHADO, EDUARDO C.; RIBEIRO, RAFAEL V. Drought tolerance in citrus trees is enhanced by rootstock-dependent changes in root growth and carbohydrate availability. ENVIRONMENTAL AND EXPERIMENTAL BOTANY, v. 101, p. 26-35, MAY 2014. Citações Web of Science: 23.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.