Busca avançada
Ano de início
Entree

Epidemiologia molecular de staphylococcus aureus e estafilococos coagulase negativa resistentes à oxacilina provenientes de leite de tanque de rebanhos bovinos

Processo: 10/17222-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2011
Vigência (Término): 30 de setembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Medicina Veterinária Preventiva
Pesquisador responsável:Maria de Lourdes Ribeiro de Souza da Cunha
Beneficiário:Patrícia Yoshida Faccioli Martins
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):12/05967-4 - Tipagem molecular por MLST e SPA typing de Staphylococcus aureus e identificação dos estafilococos coagulase-negativa pela técnica de MALDI-TOF isolados de leite bovino, BE.EP.PD
Assunto(s):Oxacilina   Eletroforese em gel de campo pulsado   Microbiologia veterinária   Leite

Resumo

O leite e seus derivados são de extrema importância na alimentação humana, sendo necessário obtê-los com qualidade microbiológica e inócuo à saúde. A mastite é um problema constante na produção leiteira que afeta essa qualidade e pode ser causada por diversos patógenos. Dentre eles podemos destacar o gênero Staphylococcus que apresenta diversos fatores de virulência. Por esse motivo, o objetivo deste trabalho é estudar os isolados provenientes de 33 tanques de propriedades rurais localizadas em municípios próximos a Botucatu - SP e de 1 tanque do município de Nova Odessa - SP, para identificar corretamente as espécies de Staphylococcus spp. por métodos fenotípicos e genotípicos, verificar a presença dos genes codificadores da toxina PVL, a presença do gene de resistência à meticilina mecA com a tipificação do SCCmec, determinar a resistência a antimicrobianos, inclusive da oxacilina, pelo E-test, e tipificar os isolados MRSA por PFGE analisando a similaridade e presença de clones entre as propriedades. Desta forma, será possível avaliar a importância dos bovinos de leite na transmissão ao homem de estafilococos com características importantes de resistência e patogenicidade, como os MRSA, além de comparar os clones existentes nas diferentes propriedades da região estudada e também com os encontrados em outros estudos.