Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo do processo de desterpenação de óleos essenciais cítricos: dados de equilíbrio líquido-líquido e extração em coluna de discos rotativos perfurados

Processo: 10/13286-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2011
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Engenharia de Alimentos
Pesquisador responsável:Christianne Elisabete da Costa Rodrigues
Beneficiário:Daniel Gonçalves
Instituição-sede: Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos (FZEA). Universidade de São Paulo (USP). Pirassununga , SP, Brasil
Assunto(s):Etanol   Limonenos   Fracionamento

Resumo

Os óleos essenciais cítricos possuem uma ampla variedade de aplicações em diversos ramos das indústrias químicas, farmacêuticas, de alimentos, entre outras. Na indústria de cosméticos, mais precisamente no ramo de perfumaria, os ativos naturais cítricos (provenientes dos óleos de bergamota, limão, lima, mandarina, laranja, etc) são empregados nas formulações de colônias, cremes hidratantes e loções. Além disso, estes compostos são largamente utilizados como agentes aromatizantes nas indústrias alimentícias e farmacêuticas e empregados como matéria-prima para as indústrias de aromas. Com o objetivo de melhorar a qualidade dos óleos essenciais e sua capacidade aromatizante, alguns processos têm sido desenvolvidos para enriquecer a mistura com compostos oxigenados, os quais são reportados como os principais responsáveis pelo aroma característico da fruta. Tal processo é comumente conhecido como desterpenação e consiste na concentração destes compostos pela retirada de hidrocarbonetos terpênicos do óleo e pode ser realizado por meio da extração líquida ou extração por solvente. Neste contexto, esta dissertação de mestrado teve como finalidade estudar da viabilidade técnica do processo de desterpenação de óleo essencial cítrico modelo composto por limoneno e linalol. Os experimentos foram conduzidos em coluna de discos rotativos perfurados (PRDC) sob condição de temperatura controlada e pressão ambiente local. O equipamento operou de modo contínuo e contracorrente, utilizado como solventes soluções de etanol com teores de água de 30 e 40% (em massa), velocidade de rotação dos discos de 150, 200 e 250 rpm e razão entre a vazão mássica de solvente e alimentação de 0,5; 1,25; 2,5 e 3,0. Avaliou-se, também, o comportamento da densidade e viscosidade das fases extrato e rafinado oriundas da coluna de extração. Através deste estudo foi possível verificar que a tecnologia de desterpenação de óleos essenciais por meio da extração líquido-líquido é viável podendo ser aplicada à processos contínuos utilizando equipamento PRDC, por exemplo, sendo possível a obtenção de frações enriquecidas do composto oxigenado (linalol).

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GONCALVES, DANIEL; ERISMANN TESCHKE, MARTIN EMIL; KOSHIMA, CRISTINA CHIYODA; DA COSTA RODRIGUES, CHRISTIANNE ELISABETE. Fractionation of citrus essential oil by liquid-liquid extraction using a perforated rotating disc contactor. Separation and Purification Technology, v. 163, p. 247-257, MAY 11 2016. Citações Web of Science: 11.
GONCALVES, DANIEL; TESCHKE, MARTIN E. E.; KOSHIMA, CRISTINA C.; GONCALVES, CINTIA B.; OLIVEIRA, ALESSANDRA L.; RODRIGUES, CHRISTIANNE E. C. Fractionation of orange essential oil using liquid-liquid extraction: Equilibrium data for model and real systems at 298.2 K. Fluid Phase Equilibria, v. 399, p. 87-97, AUG 15 2015. Citações Web of Science: 18.
GONCALVES, DANIEL; KOSHIMA, CRISTINA CHIYODA; NAKAMOTO, KARINA THIEMI; UMEDA, THAYLA KARLA; ARACAVA, KEILA KAZUE; GONCALVES, CINTIA BERNARDO; DA COSTA RODRIGUES, CHRISTIANNE ELISABETE. Deterpenation of eucalyptus essential oil by liquid plus liquid extraction: Phase equilibrium and physical properties for model systems at T=298.2 K. JOURNAL OF CHEMICAL THERMODYNAMICS, v. 69, p. 66-72, FEB 2014. Citações Web of Science: 15.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.