Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do consumo da casca de Passiflora edulis e seu impacto na inflamação intestinal de ratos com colite ulcerativa

Processo: 10/16752-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2011
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição
Pesquisador responsável:Mário Roberto Maróstica Junior
Beneficiário:Cinthia Baú Betim Cazarin
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):12/24262-1 - Avaliação da fermentação in vitro das cascas de maracujá e sua atuação na inflamação intestinal, BE.EP.DR
Assunto(s):Compostos bioativos   Colite   Maracujá

Resumo

A doença inflamatória intestinal é doença crônica recidivante que atinge milhões de pessoas no mundo,englobando a Doença de Crohn (DC) e a Retocolite Ulcerativa Inespecífica (RCU). A diferença entre as duas é a sua localização, sendo a RCU específica da região do cólon e reto. O tratamento atual para estas patologiasé realizado a base de corticosteróides, imunomoduladores ou anti-TNF-alfa, conhecido como terapia biológica, os quais apresentam diversos efeitos colaterais ao paciente. A patogênese desta doença está relacionada com fatores genéticos e ambientais como alimentação, tabagismo, uso de drogas, estresse e a desequilíbrio da microbiota intestinal. Acredita-se que uma ruptura na barreira natural exercida pela mucosa intestinal seja oprimeiro passo para o desencadeamento da resposta inflamatória. Uma vez destruída a barreira protetora a mucosa intestinal fica susceptível a translocação bacteriana e de substâncias presentes no lúmen. As fibras alimentares apresentam função sobre a modulação da microbiota, sendo utilizada como substrato pelamicrobiota para a formação de ácidos graxos de cadeia curta, gerados através do processo de fermentação. Diversos trabalhos, com diferentes fontes de fibras, assim como enema de butirato, têm demonstrado efeito positivo no controle do processo inflamatório. Sendo assim, este trabalho tem como objetivo avaliar a utilização da casca do maracujá, como fonte de fibras solúveis, na alimentação de ratos com colite induzidapor TNBS e sua influência no processo inflamatório. Será realizada avaliação da composição da farinha obtida da casca do maracujá com relação ao teor de fibra dietética, fração dietética indigerível e atividade antioxidante. Nos ensaio biológico será avaliado a formação dos ácidos graxos de cadeia curta, morfologia dotecido lesado, composição da microbiota, atividade das enzimas antioxidantes, expressão de citocinas pró e antiinflamatórias, expressão dos receptores de membrana MCP-1, Toll-like 2 e 4 e a expressão da iNOS,Cox-2 e NF-kB.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.