Busca avançada
Ano de início
Entree

Hipertensão arterial, hipertrofia e falência cardíaca e complexo de glicoproteínas associadas à distrofina

Processo: 10/19216-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Apoio a Jovens Pesquisadores
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2011
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Anatomia Patológica e Patologia Clínica
Pesquisador responsável:Cibele Maria Prado Zinni
Beneficiário:Cibele Maria Prado Zinni
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/17787-8 - Hipertensão arterial, hipertrofia e falência cardíaca e complexo de glicoproteínas associadas à distrofina., AP.JP
Assunto(s):Insuficiência cardíaca   Cardiomegalia   Distrofina   Hipertensão

Resumo

Hipertrofia cardíaca é uma resposta morfológica adaptativa do coração à sobrecarga de trabalho e constitui um importante fator de risco para infarto do miocárdio, falência cardíaca e morte súbita. A hipertrofia cardíaca em resposta à sobrecarga de pressão é inicialmente uma resposta benéfica e os mecanismos responsáveis pela transição da hipertrofia cardíaca compensada ou fisiológica para hipertrofia descompensada ou patológica são ainda parcialmente definidos. Embora a fibrose e a hipertrofia do cardiomiócito sejam considerados principais marcadores de anormalidade no coração na insuficiência cardíaca, uma intrigante possibilidade é que as propriedades mecânicas dos próprios cardiomiócitos estejam alteradas. Os óbvios candidatos para esse possível remodelamento intracelular são as proteínas do citoesqueleto. Recentemente, tem sido dada atenção às proteínas do citoesqueleto que estão envolvidas na ancoragem das miofibrilas à matriz extracelular via proteínas transmembrana: o complexo glicoproteínas associadas à distrofina (distroglicanas, sarcoglicanas, sarcospana, distrobrevina e sintrofinas); a ligação integrina-talina-vinculina e a ligação espectrina-face interna da membrana celular. A organização e a interação entre essas proteínas estruturais são importantes para o entendimento dos mecanismos celulares envolvidos na disfunção mecânica observada nas cardiomiopatias. Assim, os diferentes compartimentos do citoesqueleto poderiam estar diretamente implicados no desenvolvimento da hipertrofia cardíaca e na evolução da hipertrofia compensada para descompensada. Devido a esse fato, a importância das alterações moleculares relacionadas à hipertrofia cardíaca reside no fato de que as principais alterações, que determinam a transição hipertrofia cardíaca compensada para descompensada, podem estar presentes ainda durante o estágio hipertrófico. Assim, torna-se essencial a definição dos aspectos mecanicistas dos processos patofisiológicos envolvidos na deterioração da função cardíaca e o desenvolvimento de estratégias para inibir ou reverter a progressão da doença. É necessário testar a hipótese que esse sistema de ancoramento se alteraria nessas situações. Como essas possíveis alterações decorrentes da perda da organização interna do sistema contrátil representariam uma desestruturação progressiva devido a presença da hipertensão, há que se testar antihipertensivos na tentativa de reverter essas alterações. O presente projeto poderá oferecer dados inéditos e mecanicísticos para caracterizar os eventos subcelulares na patogênese da cardiopatia hipertensiva. Esses parâmetros anormais emergem como possíveis alvos terapêuticos cuja modulação poderá propiciar efeitos benéficos no desenvolvimento das alterações cardíacas e, muito importante, na morbidade e mortalidade dessas doenças. (AU)

Publicações científicas (8)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PRADO, FERNANDA P.; DOS SANTOS, DANIELE O.; BLEFARI, VALDECIR; SILVA, CARLOS A.; MACHADO, JULIANO; KETTELHUT, ISIS DO CARMO; RAMOS, SIMONE G.; BARUFFI, MARCELO DIAS; SALGADO, HELIO C.; PRADO, CIBELE M. Early dystrophin loss is coincident with the transition of compensated cardiac hypertrophy to heart failure. PLoS One, v. 12, n. 12 DEC 21 2017. Citações Web of Science: 1.
MALVESTIO, LYGIA M.; CELES, MARA RUBIA N.; JELICKS, LINDA A.; TANOWITZ, HERBERT B.; PRADO, CIBELE M. Dantrolene improves in vitro structural changes induced by serum from Trypanosoma cruzi-infected mice. Parasitology Research, v. 116, n. 1, p. 429-433, JAN 2017. Citações Web of Science: 2.
DOS SANTOS, DANIELE O.; BLEFARI, VALDECIR; PRADO, FERNANDA P.; SILVA, CARLOS A.; FAZAN, JR., RUBENS; SALGADO, HELIO C.; RAMOS, SIMONE G.; PRADO, CIBELE M. Reduced expression of adherens and gap junction proteins can have a fundamental role in the development of heart failure following cardiac hypertrophy in rats. Experimental and Molecular Pathology, v. 100, n. 1, p. 167-176, FEB 2016. Citações Web of Science: 6.
MALVESTIO, LYGIA M.; CELES, MARA R. N.; MILANEZI, CRISTIANE; SILVA, JOAO S.; JELICKS, LINDA A.; TANOWITZ, HERBERT B.; ROSSI, MARCOS A.; PRADO, CIBELE M. Role of dystrophin in acute Trypanosoma cruzi infection. Microbes and Infection, v. 16, n. 9, p. 768-777, SEP 2014. Citações Web of Science: 3.
CELES, MARA R. N.; MALVESTIO, LYGIA M.; SUADICANI, SYLVIA O.; PRADO, CIBELE M.; FIGUEIREDO, MARIA J.; CAMPOS, ERICA C.; FREITAS, ANA C. S.; SPRAY, DAVID C.; TANOWITZ, HERBERT B.; DA SILVA, JOAO S.; ROSSI, MARCOS A. Disruption of Calcium Homeostasis in Cardiomyocytes Underlies Cardiac Structural and Functional Changes in Severe Sepsis. PLoS One, v. 8, n. 7 JUL 23 2013. Citações Web of Science: 19.
CELES, MARA R. N.; PRADO, CIBELE M.; ROSSI, MARCOS A. Sepsis: Going to the Heart of the Matter. PATHOBIOLOGY, v. 80, n. 2, p. 70-86, 2013. Citações Web of Science: 48.
PRADO, CIBELE M.; CELES, MARA R. N.; MALVESTIO, LYGIA M.; CAMPOS, ERICA C.; SILVA, JOAO S.; JELICKS, LINDA A.; TANOWITZ, HERBERT B.; ROSSI, MARCOS A. Early dystrophin disruption in the pathogenesis of experimental chronic Chagas cardiomyopathy. Microbes and Infection, v. 14, n. 1, p. 59-68, JAN 2012. Citações Web of Science: 7.
CAMPOS, ERICA C.; O'CONNELL, JOAO L.; MALVESTIO, LYGIA M.; DIAS ROMANO, MINNA M.; RAMOS, SIMONE G.; CELES, MARA RUBIA N.; PRADO, CIBELE M.; SIMOES, MARCUS V.; ROSSI, MARCOS A. Calpain-mediated dystrophin disruption may be a potential structural culprit behind chronic doxorubicin-induced cardiomyopathy. European Journal of Pharmacology, v. 670, n. 2-3, p. 541-553, NOV 30 2011. Citações Web of Science: 20.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.