Busca avançada
Ano de início
Entree

"IDENTIFICAÇÃO E AÇÃO DE PEPTÍDEOS BIODISPONÍVEIS DE TREMOÇO BRANCO (Lupinus albus), PERMEADOS EM CULTURA DE CÉLULAS CACO-2, NA EXPRESSÃO DE GENES RELACIONADOS COM ABSORÇÃO E SÍNTESE DE COLESTEROL"

Processo: 10/18914-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2011
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos
Pesquisador responsável:José Alfredo Gomes Arêas
Beneficiário:Gustavo Guadagnucci Fontanari
Instituição-sede: Faculdade de Saúde Pública (FSP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/07914-8 - FoRC - Centro de Pesquisa em Alimentos, AP.CEPID
Assunto(s):Células CACO-2   Hidrolisados de proteína   Proteínas   Compostos bioativos   Peptídeos

Resumo

Compostos bioativos, como peptídeos de proteínas de leguminosas, tem sido alvo de diversos estudos relacionados a efeitos funcionais. Esses peptídeos, liberados de suas proteínas precursoras durante o processo de digestão, são denominados bioativos por apresentarem efeitos como antioxidantes, antihipertensivos, opiantes e hipocolesterolêmicos. Apesar de peptídeos com ação hipocolesterolemizante terem sido descritos, sua biodisponibilidade e o seu efeito na expressão gênica de alguns transportadores e enzimas relacionadas à absorção e síntese de colesterol são desconhecidos.O presente projeto tem por objetivo utilizar protocolo in vitro com hidrolisados proteicos de tremoço branco submetidos à permeação em cultura de células Caco-2. Será avaliado o seu efeito na expressão de genes de transportadores relacionados com a absorção intestinal de colesterol (NPC1L1, ABCG5 e ABCG8) e serão identificados quais peptídeos permeiam a membrana e que são biodisponíveis, capazes de alcançar os órgãos para exercer determinada ação funcional, como por exemplo, efeito de abaixamento de colesterol através da inibição da síntese ou aumento da absorção hepática de LDL-colesterol.Serão realizados dois tipos de hidrólise, uma denominada fisiológica, buscando simular o organismo após ingestão, e outra denominada comercial, usando enzima não disponível no organismo visando a liberação de possíveis peptídeos encriptados na estrutura nativa das proteínas do tremoço. Isso possibilitará a melhor utilização destas proteínas e até mesmo a síntese destes peptídeos para aplicação em estudos clínicos futuros.No segundo momento do protocolo, os peptídeos capazes de entrar nos enterócitos serão identificados e expostos em culturas de células hepáticas (HepG2) para avaliar seu efeito na expressão dos genes da HMG-CoA Redutase e receptores de LDL-c. Desta forma, será possível compreender quais peptídeos bioacessíveis são biodisponíveis e seus efeitos no metabolismo do colesterol a nível intestinal e hepático em sistemas de células Caco-2 e HepG2 respectivamente.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FONTANARI, GUSTAVO GUADAGNUCCI; KOBELNIK, MARCELO; MARQUES, MARCELO RODRIGUES; GOMES AREAS, JOSE ALFREDO; FRANZIN, BRUNO TREVIZAN; PASTRE, IEDA APARECIDA; FERTONANI, FERNANDO LUIS. Thermal and kinetic studies of white lupin (Lupinus albus) oil. JOURNAL OF THERMAL ANALYSIS AND CALORIMETRY, v. 131, n. 1, p. 775-782, JAN 2018. Citações Web of Science: 3.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.