Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise in vitro e in situ da erosão dental e de métodos de prevenção em pacientes portadores da doença do refluxo gastroesofágico

Processo: 10/19531-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2011
Vigência (Término): 31 de outubro de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Clínica Odontológica
Pesquisador responsável:Regina Guenka Palma-Dibb
Beneficiário:Juliana dos Reis Derceli
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (FORP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Dentística   Esmalte dentário   Erosão dentária   Laser

Resumo

O objetivo deste estudo será avaliar a ação erosiva do ácido HCl na forma líquida e gasosa sobre o esmalte e avaliar a eficácia de diferentes métodos de prevenção. Serão obtidos a partir de incisivos bovinos 252 fragmentos de esmalte (4X4 mm), os quais terão a metade da superfície impermeabilizada (área controle), a outra metade será submetida aos tratamentos preventivos e/ou desafios erosivos, divididos nos Grupos (G) A: exposição em HCl líquido e B: HCl gasoso. Cada grupo será dividido em 9 subgrupos (Sg) de acordo com os seguintes tratamentos : Sg 1- controle, Sg 2: aplicação de flúor gel, Sg 3: de verniz fluoretado, Sg 4: irradiação laser CO2, Sg 5: CO2 + flúor gel, Sg 6: CO2 + verniz fluoretado, Sg 7: laser Nd:YAG, Sg 8: Nd:YAG + flúor gel, Sg 9: Nd:YAG + verniz fluoretado. O desafio erosivo será realizado expondo os fragmentos em HCl líquido e gasoso, pH 2, à 37 oC, 4 X ao dia por 5 dias e por um tempo a ser determinado. A análise será em função da microdureza subsuperficial, desgaste, DRX, MEV-EDS. Os dados obtidos através dos testes de DRX, EDS, microdureza e desgaste (quantitativos) serão analisados quanto a sua distribuição, e se esta for normal será realizado Análise de Variância, caso contrário será realizado teste não-paramétrico. As análises de microscopia eletrônica de varredura, serão avaliadas apenas qualitativamente.Resumo do estudo in situO objetivo deste estudo será avaliar a ação erosiva do suco gástrico sobre o esmalte em pacientes com DRGE e avaliar a eficácia de diferentes métodos de prevenção. Serão obtidos 240 fragmentos de esmalte (4x4 mm) os quais terão a metade da superfície isolada (área controle) e a outra metade tratada com o método preventivo mais eficaz verificado no estudo in vitro. Os fragmentos serão fixados na região palatina anterior de placas interoclusais que serão utilizadas por 30 participantes distribuídos nos seguintes grupos: G 1 (controle) - pacientes sem sinais de erosão dental e DRGE; G 2 - erosão dental e diagnosticados com DRGE; G 3 - erosão dental sem diagnóstico de DRGE. Trata-se de um estudo com delineamento cruzado (crossover), controlado por placebo, randomizado e duplo cego, composto por 2 fases de 30 dias com intervalo de 7 dias entre cada fase. Serão fixados 2 fragmentos de cada grupo experimental que serão removidos após 15 e 30 dias de utilização. A análise será em função da microdureza e o desgaste. Os dados obtidos serão analisados quanto a sua distribuição, e se esta for normal será realizado Análise de Variância, caso contrário será realizado teste não-paramétrico.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
JULIANA DOS REIS DERCELI; JULIANA JENDIROBA FARAONI; MARCELO ASSUMPÇÃO PEREIRA-DA-SILVA; REGINA GUENKA PALMA-DIBB. Analysis of the Early Stages and Evolution of Dental Enamel Erosion. Brazilian Dental Journal, v. 27, n. 3, p. -, Jun. 2016.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
DERCELI, Juliana dos Reis. Análise in vitro e in situ da erosão dental e de métodos de prevenção em pacientes portadores da doença do refluxo gastroesofágico. 2014. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto Ribeirão Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.