Busca avançada
Ano de início
Entree

Observatório das migrações em São Paulo: fases e faces do fenômeno migratório no estado de São Paulo

Processo: 11/01182-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2011
Vigência (Término): 31 de março de 2013
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Demografia - Distribuição Espacial
Pesquisador responsável:Claudio Salvadori Dedecca
Beneficiário:Roberta Guimaraes Peres
Instituição-sede: Núcleo de Estudos da População (NEPO). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/06502-2 - Observatório das Migrações em São Paulo (fases e faces do fenômeno migratório no estado de São Paulo), AP.TEM
Assunto(s):Demografia histórica   Mercado de trabalho   Migração internacional   Migração interna   São Paulo

Resumo

O projeto temático apresentado pretende resgatar a trajetória das migrações internas e internacionais no Estado de São Paulo e suas implicações passadas, contemporâneas e futuras para a formação social paulista no período que compreende o final do século 19 até a primeira década do século 21 (1880-2010), avançando em anos subseqüentes. Este Observatório das Migrações em São Paulo permitirá captar processos migratórios contextualizados historicamente, seus movimentos migratórios internos e internacionais, ao longo desse período, que ampliem o conhecimento e análises acerca de um fenômeno social Em uma perspectiva interdisciplinar, possibilitará incorporar pesquisadores de diversas formações acadêmicas que dialoguem diretamente com o fenômeno migratório, traduzindo-se em análises interdisciplinares sobre os fenômenos e suas características. Do ponto de vista das competências institucionais-acadêmicas, este projeto pretende aglutinar pesquisadores paulistas de distintas instituições de ensino superior (UNICAMP, UFSCAR e UNESP/Marília) em torno do tema das Migrações. Busca apreender e analisar as fases e faces da migração no Estado de São Paulo, centralizando suas análises e reflexões nos diferentes fluxos migratórios, distintas modalidades de deslocamentos populacionais em diferentes momentos que marcaram a histórica social do Estado. Em perspectiva histórica, os fenômenos sociais e migratórios irão interagir entre si e com outros elementos contextuais, empíricos e teóricos conferindo a devida importância para as migrações internas e internacionais na configuração da sociedade paulista e permitindo avançar no conhecimento de situações e processos migratórios específicos em São Paulo. Em uma perspectiva contemporânea, serão revisitados vários conceitos e abordagens teóricas que sejam capazes de explicar e incorporar situações tão complexas relativas às migrações internas e internacionais na atualidade. (AU)