Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência do cálcio e das proteínas MIRO na mobilidade mitocondrial anteriormente e durante a agregação de proteínas envolvidas em neurodegeneração

Processo: 11/00478-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de abril de 2011
Vigência (Término): 31 de outubro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Citologia e Biologia Celular
Pesquisador responsável:Merari de Fátima Ramires Ferrari
Beneficiário:Rodrigo dos Santos Chaves
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):13/18028-9 - Influência do cálcio e das proteínas MIRO sobre o transporte mitocondrial em neurônios humanos derivados de células troncos de pluripotência induzida de pacientes de Alzheimer, BE.EP.DD
Assunto(s):Rotenona   Degeneração neural   Doenças neurodegenerativas

Resumo

A agregação proteica no sistema nervoso central está presente durante o envelhecimento e pode promover a neurodegeneração como ocorre na doença de Alzheimer, Parkinson, Esclerose Lateral Amiotrófica, Huntington, dentre outras. Esses agregados proteicos podem modificar as concentrações intracelulares de Ca2+ o qual pode mediar a neurodegeneração. Disfunções mitocondriais, inclusive de seu tráfego, vêm sendo relacionadas ao início das doenças neurodegenerativas, o que pode indicar um possível papel dessas organelas nos processos desencadeadores de neurodegeneração, anteriormente inclusive à agregação de proteínas. Recentemente, foi demonstrado que o aumento de concentrações citoplasmáticas de Ca2+ inibe o transporte mitocondrial através da modulação promovida pelas proteínas miro. Com isso, considerando a importância das mitocôndrias na homeostase celular, através do controle da disponibilidade de Ca2+ intracelular e regulação da apoptose, e a relação entre a agregação proteica e a neurodegeneração, a proposta do presente estudo é avaliar os efeitos da agregação de proteínas sobre as concentrações intracelulares de Ca2+ e o transporte retrógrado, anterógrado e ancoramento mitocondrial. Para tanto serão utilizadas culturas de células do hipocampo, locus coeruleus e substância negra expostas à rotenona, um agente que agrega as proteínas envolvidas em neurodegeneração, e transfectadas com proteína miro mutante. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MELO, KARLA P.; SILVA, CAROLLINY M.; ALMEIDA, MICHAEL F.; CHAVES, RODRIGO S.; MARCOURAKIS, TANIA; CARDOSO, SANDRA M.; DEMASI, MARILENE; NETTO, LUIS E. S.; FERRARI, MERARI F. R. Mild Exercise Differently Affects Proteostasis and Oxidative Stress on Motor Areas During Neurodegeneration: A Comparative Study of Three Treadmill Running Protocols. NEUROTOXICITY RESEARCH, v. 35, n. 2, p. 410-420, FEB 2019. Citações Web of Science: 0.
MELO, THAIANY Q.; D'UNHAO, ALINE M.; MARTINS, STEPHANIE A.; FARIZATTO, KAREN L. G.; CHAVES, RODRIGO S.; FERRARI, MERARI F. R. Rotenone-Dependent Changes of Anterograde Motor Protein Expression and Mitochondrial Mobility in Brain Areas Related to Neurodegenerative Diseases. Cellular and Molecular Neurobiology, v. 33, n. 3, p. 327-335, APR 2013. Citações Web of Science: 7.
CHAVES, RODRIGO S.; MELO, THAIANY Q.; D'UNHAO, ALINE M.; FARIZATTO, KAREN L. G.; FERRARI, MERARI F. R. Dynein c1h1, dynactin and syntaphilin expression in brain areas related to neurodegenerative diseases following exposure to rotenone. ACTA NEUROBIOLOGIAE EXPERIMENTALIS, v. 73, n. 4, p. 541-556, 2013. Citações Web of Science: 5.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.