Busca avançada
Ano de início
Entree

Condicionamento, extinção e recuperação da resposta de medo em pacientes com transtorno obsessivo-compulsivo versus controles e após o tratamento com inibidores seletivos da recaptura de serotonina

Processo: 11/00968-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 2011
Vigência (Término): 30 de abril de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Psiquiatria
Pesquisador responsável:Eurípedes Constantino Miguel Filho
Beneficiário:Juliana Belo Diniz
Instituição-sede: Instituto de Psiquiatria Doutor Antonio Carlos Pacheco e Silva (IPq). Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HCFMUSP). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Transtorno obsessivo-compulsivo   Transtornos de ansiedade   Condicionamento clássico

Resumo

O transtorno obsessivo-compulsivo (TOC) apresenta prevalência ao longo da vida em trono de 3% e está associado a importantes prejuízos sociais, profissionais, acadêmicos e familiares. Os inibidores da recaptura de serotonina (IRS) são o tratamento farmacológico de primeira escolha para o TOC, no entanto, os mecanismos que determinam a melhora dos sintomas de TOC com o uso de IRS ainda são pouco conhecidos. Além disso, uma parcela significativa dos pacientes com TOC não responde satisfatoriamente ao tratamento com IRS e, até o momento, não é possível prever quais pacientes não irão responder a esse tratamento ou quais são os fatores que determinam a ausência de melhora. Para esclarecer os mecanismos neurofisiológicos relacionados à resposta ao tratamento do TOC, propomos o uso de medidas eletrofisiológicas (como a variação da freqüência cardíaca e resposta de condutância de pele) em resposta a paradigmas de condicionamento de medo e reação a sons agudos, como método para avaliar o efeito dos IRS sobre a cadeia comportamental do TOC. Pretendemos comparar 15 controles saudáveis a 30 pacientes com TOC e 30 pacientes com TOC antes e após tratamento com IRS ou placebo. Esperamos encontrar alterações na variação das medidas eletrofisiológicas nos pacientes em comparação aos controles e após o tratamento com IRS. A partir desses resultados, poderemos determinar se os IRS se associam a melhora dos sintomas de TOC por reduzir o componente aversivo respondente da cadeia comportamental.

Publicações científicas (5)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
REIMER, ADRIANO EDGAR; DE OLIVEIRA, AMANDA RIBEIRO; DINIZ, JULIANA BELO; HOEXTER, MARCELO QUEIROZ; CHIAVEGATTO, SILVANA; BRANDAO, MARCUS LIRA. Rats with differential self-grooming expression in the elevated plus-maze do not differ in anxiety-related behaviors. Behavioural Brain Research, v. 292, p. 370-380, OCT 1 2015. Citações Web of Science: 10.
SUBIRA, MARTA; SATO, JOAO R.; ALONSO, PINO; DO ROSARIO, MARIA C.; SEGALAS, CINTO; BATISTUZZO, MARCELO C.; REAL, EVA; LOPES, ANTONIO C.; CERRILLO, ESTER; DINIZ, JULIANA B.; PUJOL, JESUS; ASSIS, RACHEL O.; MENCHON, JOSE M.; SHAVITT, ROSELI G.; BUSATTO, GERALDO F.; CARDONER, NARCIS; MIGUEL, EURIPEDES C.; HOEXTER, MARCELO Q.; SORIANO-MAS, CARLES. Brain structural correlates of sensory phenomena in patients with obsessive-compulsive disorder. JOURNAL OF PSYCHIATRY & NEUROSCIENCE, v. 40, n. 4, p. 232-240, JUL 2015. Citações Web of Science: 13.
DINIZ, JULIANA B.; COSTA, DANIEL L. C.; CASSAB, RAONY C. C.; PEREIRA, CARLOS A. B.; MIGUEL, EURIPEDES C.; SHAVITT, ROSELI G. The impact of comorbid body dysmorphic disorder on the response to sequential pharmacological trials for obsessive-compulsive disorder. JOURNAL OF PSYCHOPHARMACOLOGY, v. 28, n. 6, p. 603-611, JUN 2014. Citações Web of Science: 2.
DA CONCEICAO COSTA, DANIEL LUCAS; SHAVITT, ROSELI GEDANKE; CASTRO CESAR, RAONY CASSAB; JOAQUIM, MARINES ALVES; BORCATO, SONIA; VALERIO, CAROLINA; MIGUEL, EURIPEDES CONSTANTINO; DINIZ, JULIANA BELO. Can early improvement be an indicator of treatment response in obsessive-compulsive disorder? Implications for early-treatment decision-making. JOURNAL OF PSYCHIATRIC RESEARCH, v. 47, n. 11, p. 1700-1707, NOV 2013. Citações Web of Science: 12.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.