Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência de diferentes alterações no volume e intensidade do exercício físico no padrão do sono de indivíduos saudáveis sedentários

Processo: 08/08702-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de outubro de 2008
Vigência (Término): 30 de junho de 2010
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Educação Física
Pesquisador responsável:Marco Túlio de Mello
Beneficiário:Noler Heyden Flausino
Instituição-sede: Departamento de Psicobiologia. Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:07/08480-0 - Influência de diferentes alterações no volume e intensidade do exercício físico no padrão do sono de indivíduos saudáveis sedentários, AP.R
Assunto(s):Atividade física   Sono   Exercício físico   Polissonografia

Resumo

Um terço de nossas vidas é passado dormindo, desta forma o sono é um fator natural do ciclo circadiano. O sono pode ser divido em REM e NREM, sendo que o sono NREM que é distribuído em quatro estágios, numerados de I a IV. Alguns fatores externos podem influenciar na arquitetura do sono. O exercício físico sistematizado vem sendo considerado uma intervenção não-farmacológica para tratamento de distúrbios do sono. Estudos relatam que o sono de pessoas ativas é melhor que os de pessoas inativas, com a hipótese de que com um sono melhor é provável que o indivíduo tenha mais disposição durante o dia e possa desempenhar suas atividades tanto do ponto de vista físico e cognitiva com mais precisão. Atualmente o exercício físico, se tornou fundamental para promoção de saúde e melhora da qualidade de vida da população em geral. O exercício físico é um dos componentes na prevenção de doenças crônico-degenerativas, além de ser fundamental para melhora da dimensão psicológica, além de melhorar o padrão do sono. Objetivo: avaliar os efeitos de exercício físico agudo na intensidade de Limiar Ventilatório 1 (L1) e na limiar Ventilatório 2 (L2) em diferentes volumes e diferentes intensidades (30, 60 e 90 minutos) sobre o padrão de sono de indivíduos sedentários saudáveis adultos. Metodologia: a amostra será composta por 12 indivíduos com idade entre 20 à 40 anos do gênero masculino. Após este período será feita uma avaliação do eletrocardiograma, composição corporal, polissonografia basal, aplicação do diário do sono, avaliação do limiar ventilatório, para determinação do (LV1) (LV2), a todas as avaliações serão feitas no período da noite próximo ao horário de dormir, sendo respeitado o ciclo circadiano de cada voluntário. Na próxima sessão o voluntário fará o exercício físico no (LV1) Limiar Ventilatório 1 por 30 minutos, avaliação do diário alimentar, polissonografia, e aplicação do diário do sono no dia seguinte e o actígrafo na noite anterior ao treino. O voluntário voltará ao laboratório, por mais 6 sessões em dias alternados, para realização de exercícios físicos no (L1) por 60 minutos e 90 minutos, no (L2), por 30, 60 e 90 minutos. Lembrando que sempre será respeitado a individualidade. (AU)