Busca avançada
Ano de início
Entree

Reconhecimento de patógenos bacterianos por receptores intracelulares e sua importância no controle da infecção microbiana

Processo: 08/10146-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de novembro de 2008
Vigência (Término): 31 de outubro de 2009
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia
Pesquisador responsável:Dario Simões Zamboni
Beneficiário:Catarina Veltrini Horta
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:06/52867-4 - Reconhecimento de patógenos bacterianos por receptores intracelulares e sua importância no controle da infecção microbiana, AP.JP
Assunto(s):Flagelina   Imunidade inata   Legionella pneumophila

Resumo

Patógenos intracelulares desenvolveram sofisticados mecanismos para subverter as funções normais da célula hospedeira e se multiplicar em seu interior. Em contrapartida, células hospedeiras desenvolveram estratégias para detectar a presença desses patógenos e controlar sua multiplicação. Recentemente foi revelada uma nova família de receptores citoplasmáticos que participam ativamente desse processo, os receptores Nod-like, ou NLR (do inglês, nod-like receptors). Dentre esses receptores destaca-se Naip5 (ou Birc1e), a molécula responsável pela resistência de macrófagos à infecção pela bactéria intracelular Legionella pneumophila. Localizado no citoplasma de macrófagos, Naip5 detecta a presença de componentes bacterianos translocados pelo complexo Dot/Icm de L. pneumophila e induz ativação de caspase-1, o que culmina no bloqueio da multiplicação bacteriana (Zamboni et al., 2006). O projeto de pesquisa objetiva utilizar uma abordagem integrativa por meio de técnicas modernas de microbiologia celular e molecular para melhor compreender os mecanismos de função de Naip5 e de outros membros dessa emergente família de receptores, principalmente nos processos envolvendo ativação de caspase-1. Tal abordagem consiste em investigar a interação entre bactéria e célula hospedeira, interferindo tanto em genes celulares quanto em genes bacterianos. Os objetivos gerais podem ser divididos em três tópicos: 1) Determinação de componentes bacterianos responsáveis pela ativação de receptores Nod-like; 2) Determinação dos mecanismos pelos quais caspase-1 (ativada por Naip5) promove o controle da infecção por L. pneumophila; 3) Investigação da relevância de receptores NOD no processo de infecção por Coxiella burnetii e outros patógenos intracelulares de importância regional.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.