Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da etapa de secagem na cadeia produtiva de poli-hidroxibutirato (PHB) a partir da cana-de-açúcar

Processo: 09/00600-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de março de 2009
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2010
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Operações Industriais e Equipamentos para Engenharia Química
Pesquisador responsável:Sandra Cristina dos Santos Rocha
Beneficiário:Camila Soster Carvalho
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Química (FEQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:07/55551-0 - Estudo da etapa de secagem na cadeia produtiva do poli-hidroxibutirato (PHB) a partir da cana-de-açúcar, AP.R
Assunto(s):Leito fluidificado   Secagem   Biopolímeros   Cana-de-açúcar

Resumo

Este plano de trabalho está inserido no projeto de pesquisa sobre a investigação do processo de secagem do biopolímero poli-hidroxibutirato (PHB) em leito fluidizado pulsado rotativo e os efeitos da secagem nas características finais do produto. O poli-hidroxibutirato apresenta propriedades termoplásticas, é biodegradável (o tempo de degradação é consideravelmente menor que dos polímeros sintéticos) e é obtido a partir da cana de açúcar de forma integrada à cadeia produtiva de açúcar e álcool. Em função dessas propriedades, e focalizando a preservação do meio ambiente, esse produto tem despertado interesses tecnológico, científico e comercial. A secagem é a última etapa da cadeia produtiva do PHB antes do mesmo ser encaminhado para a confecção dos materiais plásticos. Nessa etapa, as condições de processamento podem interferir nas propriedades físicas e estruturais do material. Pretende-se neste trabalho inserir o bolsista na execução das corridas experimentais de secagem em leito fluidizado pulsado rotativo, bem como nas análises a serem realizadas no produto seco. Durante o estágio, o bolsista também estará inserido no grupo de pesquisa do Laboratório de Fluidodinâmica e Secagem da UNICAMP, participando da organização do laboratório, de eventuais compras e das reuniões do grupo. Na realização das corridas experimentais o bolsista terá contato com diversas operações unitátias, como transporte de fluidos, separações sólido-fluido, medidas de vazão, pressão e temperatura, além de outras determinações. Estão previstas análises em microscópio eletrônico, DSC, porosímetro, equipamento de Karl Fischer, entre outras, também com a participação do bolsista, trazendo importante contribuição à sua formação. (AU)