Busca avançada
Ano de início
Entree

Extinção ecológica de grandes herbívoros e diversidade de plantas em um gradiente de defaunação na Mata Atlântica

Processo: 10/05270-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de maio de 2010
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2011
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia de Ecossistemas
Pesquisador responsável:Mauro Galetti Rodrigues
Beneficiário:Gabriela Schmaedecke
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:07/03392-6 - Efeitos de um gradiente de defaunação na herbivoria, predação e dispersão de sementes: uma perspectiva na Mata Atlântica, AP.TEM
Assunto(s):Mata Atlântica

Resumo

Grandes herbívoros, como antas e queixadas, são importantes herbívoros em florestas tropicais e podem ter um papel essencial na composição da vegetação. Atuando como dispersores de sementes (antas) e predadores de sementes (queixadas) ou herbívoros (antas e queixadas), esses grandes herbívoros podem controlar a abundância e composição das espécies vegetais. Esses animais são os primeiros a serem afetados pela caça ou perda de hábitat e as conseqüências da sua extinção local na diversidade vegetal são pouco conhecidas. Áreas contínuas da Mata Atlântica possuem um gradiente de abundância e biomassa desses mamíferos bem distintas. Esse projeto pretende avaliar o impacto da extinção ecológica de grandes herbívoros na diversidade de plantas em duas áreas na Mata Atlântica.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.