Busca avançada
Ano de início
Entree

Evolução do dimorfismo sexual e intrasexual em opiliões da família Gonyleptidae (Arachnida: Opiliones)

Processo: 10/10039-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de julho de 2010
Vigência (Término): 31 de outubro de 2010
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Comportamento Animal
Pesquisador responsável:Glauco Machado
Beneficiário:Mauricio Prestia Moraes Pavani
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/50031-4 - Evolução do dimorfismo sexual e intrasexual em opiliões da família Gonyleptidae (Arachnida: Opiliones), AP.R
Assunto(s):Seleção sexual   Ecologia comportamental

Resumo

A origem e a manutenção de caracteres sexuais secundários nos machos, tais como chifres,plumagem colorida e canto elaborado, têm sido motivo de interesse desde Darwin. Essescaracteres geralmente originam-se por seleção sexual, mediante mecanismos evolutivos deseleção de parceiros ou de combate pelo acesso a indivíduos do sexo oposto. O objetivo desteprojeto é estabelecer as interações existentes entre a intensidade da seleção intra-sexual e apresença de morfos alternativos masculinos, assim como entre a forma de cuidado parental eo grau do dimorfismo sexual existente nos opiliões da família Gonyleptidae. OsGonyleptidae representam um modelo ideal de estudo, pois na maioria das espécies odimorfismo sexual é acentuado. Além disso, os armamentos masculinos são usados apenasno combate intra-sexual e não estão sujeitos à seleção pelas fêmeas, o que facilita adiscriminação dos processos que levaram à evolução do dimorfismo sexual. Finalmente, osGonyleptidae também são particularmente adequados para estudos sobre o efeito e a formado cuidado parental na evolução do dimorfismo sexual, já que este comportamento evoluiudiversas vezes dentro da família. O presente projeto é uma proposta inédita que estabeleceuma ponte entre as disciplinas de morfologia comparada e de ecologia comportamentalcomo meio de explicar a evolução do dimorfismo sexual e inter-sexual empregando osopiliões como modelo de estudo.