Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da ocorrência, toxicidade/genotoxidade e processos para degradação de corantes em efluentes e águas superficiais

Processo: 10/12344-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de novembro de 2010
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2011
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Maria Valnice Boldrin
Beneficiário:Luis Augusto Visani de Luna
Instituição-sede: Faculdade de Tecnologia (FT). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Limeira , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:08/10449-7 - Avaliação da ocorrência, toxicidade/genotoxicidade e processos para degradação de corantes em efluentes e águas superficiais, AP.TEM
Assunto(s):Toxicidade   Tratamento   Fotoeletrocatálise   Ecotoxicologia   Corantes

Resumo

Os corantes comerciais Azo possuem diversas aplicações, tanto na área têxtil, de cosméticos, na indústria coureira e alimentícia. Os estudos referentes aos tratamentos de corantes e a sua avaliação ecotoxicológica são escassos. Assim, existe uma necessidade imediata de desenvolver técnicas eficientes no tratamento de corantes considerando sua detoxificação, além de esclarecer os níveis de toxicidade desta classe de substâncias presentes em formulações comerciais amplamente utilizadas e também dos subprodutos resultado de seu tratamento, visando à interpretação do impacto de corantes no ambiente aquático e a contribuição, de forma efetiva, para a formulação de uma legislação consistente no que diz respeito ao descarte dos mesmos em águas superficiais. Para tanto, os objetivos do presente projeto de pesquisa compreendem a avaliação da ecotoxicidade de corantes comercias e dos subprodutos gerados a partir de tratamentos avançados de oxidação, para os cladoreras de água doce Daphnia similis e Ceriodaphnia dubia e para a alga de água doce Pseudokirchneriella subcapitata, comparando a eficiência dos tratamentos na redução da toxicidade para os organismos designados.