Busca avançada
Ano de início
Entree

Trajetórias do Jaguary: unidades de conservação, percepção ambiental e turismo um estudo na APA do Sistema Cantareira: diagnóstico socioambiental em Áreas-Núcleo da porção mineira da bacia hidrográfica do rio Jaguary

Processo: 08/10337-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de outubro de 2008
Vigência (Término): 31 de julho de 2009
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Outras Sociologias Específicas
Pesquisador responsável:João Luiz de Moraes Hoefel
Beneficiário:Elizangela Rita Donin Carollo
Instituição-sede: Universidade São Francisco (USF). Campus Bragança Paulista. Bragança Paulista , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:03/08432-5 - Trajetórias do Jaguary - unidades de conservação, percepção ambiental e turismo. Um estudo na APA do Sistema Cantareira, AP.R
Assunto(s):Percepção ambiental   Conservação dos recursos naturais   Sustentabilidade   Turismo ecológico   Recursos hídricos   Sociologia ambiental

Resumo

A problemática ambiental tem despertado, nas últimas décadas, a atenção de diversos segmentos da sociedade, promovendo, entre inúmeros estudos, aqueles relacionados ao conceito de sustentabilidade. Entre as propostas de usos sustentáveis para áreas naturais encontram-se as políticas de criação de Unidades de Conservação. O presente projeto visa utilizar como área núcleo de estudos o Reservatório Jaguary/Jacareí e seu entorno, que integram a Área de Proteção Ambiental (APA) do Sistema Cantareira. Esta região contém áreas de nascentes e pontos de captação de importância regional que, associados à sua beleza natural, faz com que ela se torne alvo de empreendimentos imobiliários, consolidando um processo crescente de ocupação do solo e uso turístico desordenado. Apesar das restrições impostas pela legislação ambiental vigente, estes usos econômicos diversos, muitas vezes inadequados para a área, vêm gerando impactos sócio-ambientais e culturais, que precisam ser adequadamente analisados. Os conflitos de usos nesta área indicam que existem entre os diversos grupos sociais da região, abordagens e percepções diferenciadas sobre a problemática ambiental que vêm refletindo-se nas propostas de desenvolvimento regional. Dentro deste contexto, este projeto tem por objetivos desenvolver estudos sobre percepção ambiental e seus reflexos nos processos de transformação da APA do Sistema Cantareira, em especial sobre o uso turístico do Reservatório dos Rios Jaguary/Jacareí, que aprofundem o conhecimento sobre a problemática do meio ambiente e subsidiem programas de educação ambiental. O objetivo do plano de atividades do bolsista é colaborar na sistematização de dados primários e secundários coletados pelos pesquisadores, que permita a caracterização e elaboração de um banco de dados sobre usos do solo, impactos do turismo e percepção ambiental na Bacia Hidrográfica do Rio Jaguary e nas APA's do Sistema Cantareira e Fernão Dias, objetos de estudo dessa pesquisa. (AU)