Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos de um Campo Elétrico de Baixa Intensidade no Metabolismo Ósseo de Idosos Osteopênicos e Osteoporóticos

Processo: 11/02624-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de março de 2011
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Marise Lazaretti Castro
Beneficiário:Adriana Carvalho da Silva
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/05455-0 - Efeitos de um campo elétrico de baixa intensidade no metabolismo ósseo de idosos osteopênicos e osteoporóticos, AP.R
Assunto(s):Idosos   Fisioterapia   Osteoporose

Resumo

Com o envelhecimento populacional no Brasil e os crescentes índices de osteoporose e suas conseqüentes fraturas, há um grande interesse socioeconômico em se prevenir e tratar esta doença. O campo elétrico de baixa intensidade (CE) tem sido utilizado em humanos para acelerar o reparo ósseo, e alguns estudos já demonstraram que este é capaz de prevenir a osteopenia. Assim, o desenvolvimento de um equipamento de baixo custo, como o CE, como alternativa para tratar a osteoporose sem os elevados custos e efeitos adversos dos medicamentos, pode ser de extrema valia. O presente estudo tem por objetivo investigar os efeitos de um CE - previamente demonstrado como eficaz na prevenção de perda de massa óssea em ratas ovarectomizadas (Lirani-Galvão et al. 2006) - em parâmetros do metabolismo ósseo de idosos institucionalizados portadores de osteopenia e/ou osteoporose. Cento e vinte idosos (homens e mulheres) randomizados em Grupo Placebo (n = 60) e Grupo Tratado (n = 60) receberão o tratamento com o CE em 5 sessões semanais, de 20 minutos cada, por um período de 12 meses. O equipamento de CE será composto por uma "almofada" de poliéster no interior da qual existirá um eletrodo. Quando o paciente estiver sentado sobre esta almofada, o campo elétrico gerado (1.5 MHz, 26mW) alcançará fêmures proximais, bacia e coluna lombar e torácica. Os indivíduos serão avaliados (antes e após o protocolo) através de anamnese, exame físico, coleta de sangue (para avaliação de marcadores de remodelação óssea, cálcio total e ionizado e paratormônio, dentre outros), exames de densitometria óssea, morfometria vertebral e ultrasonometria de calcâneo, teste de mobilidade funcional e questionário de qualidade de vida. Na análise estatística, serão utilizados testes de comparação paramétricos ou não paramétricos e análises de regressões e de multivariáveis, quando indicados (p < 0.05).

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)