Busca avançada
Ano de início
Entree

O empirismo transcendental de Gilles Deleuze para análise dos fundamentos da psicologia

Processo: 11/03564-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2011
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Psicologia - Fundamentos e Medidas da Psicologia
Pesquisador responsável:Reinaldo Furlan
Beneficiário:Filipe Antonio Sarti
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Gilles Deleuze

Resumo

A pesquisa pergunta como os problemas colocados pelo "empirismo transcendental" de Deleuze nos levam a uma análise dos fundamentos teórico-práticos da psicologia e dos regimes institucionais em que se inscreve o exercício profissional do psicólogo, questionando as implicações dos sentidos psicológicos com os modos de subjetivação. Perseguimos três linhas de investigação: a fenomenologia, a etnologia e a psicanálise; considerando que é nas "disputas" com essas disciplinas que o empirismo de Deleuze, pela gênese do paradoxal, nos permite analisar os fundamentos práticos da psicologia. Em Deleuze os problemas se colocam pela experimentação de "acordos discordantes", de diferenças intensivas em relações que se efetuam por meio de sínteses disjuntivas. Trata-se de multiplicar os procedimentos de aprendizagem pelas práticas psicológicas, apontando para o psicólogo os problemas "transversais" da produção da subjetividade.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)