Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise espaço-temporal dos manguezais e da produção de caranguejos no sistema estuarino-lagunar do Rio São Francisco (Sergipe, Brasil): conservação da biodiversidade, bens e serviços do ecossistema versus desenvolvimento de pressões antrópicas

Processo: 10/20028-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2011
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia de Ecossistemas
Pesquisador responsável:Marisa Dantas Bitencourt Pereira
Beneficiário:Luciana Cavalcanti Maia Santos
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Produção pesqueira   Sensoriamento remoto   Paisagem   Zona costeira

Resumo

O sistema estuarino-lagunar do Rio São Francisco, zona costeira de Sergipe, faz parte de uma das bacias hidrográficas mais importantes do Brasil, caracterizando-se como uma área com amplas florestas de manguezal onde se destaca a atividade pesqueira. Todavia, diferentes pressões antrópicas incidem nessa região, como a carcinocultura e o uso agrícola em área de manguezal, além de impactos decorrentes de várias represas construídas à montante. O presente estudo visa: (1) avaliar os efeitos de pressões antrópicos na dinâmica espaço-temporal dos manguezais sistema estuarino lagunar do Rio São Francisco, (2) investigar se há uma relação entre a variação temporal dos manguezais, variação da produção de caranguejos das espécies comerciais Ucides cordatus e Cardisoma guanhumi e mudanças hidrológicas e (3) levantar o uso dos caranguejos como renda para comunidades pesqueiras locais e as percepções destas sobre os efeitos dos tensores antrópicos. Série temporal de imagens de sensoriamento remoto será processada em SIG e serão gerados mapas da paisagem para o cálculo de métricas de fragmentação. Dados do ESTATPESCA (Projeto de Estatística Pesqueira) serão utilizados na análise da variação temporal da produção dos caranguejos. Série histórica de parâmetros hidrológicos (vazão do rio, taxa de sedimentos e precipitação) será obtida na base de dados da Agência Nacional de Águas (ANA). Entrevistas semi-estruturadas com as comunidades locais serão utilizadas no levantamento etnoecológico. Serão aplicadas ferramentas estatísticas específicas para o tratamento e análise dos diferentes dados. Por fim, será procedida a análise integrada dos resultados de forma a gerar informações que contribuam para elaboração de planos de gestão costeira que assegurem a conservação dos manguezais e das espécies de caranguejos estudadas.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MAIA SANTOS, LUCIANA CAVALCANTI; AMARO PINHEIRO, MARCELO ANTONIO; DAHDOUH-GUEBAS, FARID; BITENCOURT, MARISA DANTAS. Population status and fishery potential of the mangrove crab, Ucides cordatus (Linnaeus, 1763) in North-eastern Brazil. Journal of the Marine Biological Association of the United Kingdom, v. 98, n. 2, p. 299-309, MAR 2018. Citações Web of Science: 2.
MAIA SANTOS, LUCIANA CAVALCANTI; GASALLA, MARIA A.; DANDOUH-GUEBAS, FARID; BITENCOURT, MARISA DANTAS. Socio-ecological assessment for environmental planning in coastal fishery areas: A case study in Brazilian mangroves. OCEAN & COASTAL MANAGEMENT, v. 138, p. 60-69, MAR 15 2017. Citações Web of Science: 6.
MAIA SANTOS, LUCIANA CAVALCANTI; MATOS, HUMBERTO REIS; SCHAEFFER-NOVELLI, YARA; CUNHA-LIGNON, MARI LIA; BITENCOURT, MARISA DANTAS; KOEDAM, NICO; DAHDOUH-GUEBAS, FARID. Anthropogenic activities on mangrove areas (Sao Francisco River Estuary, Brazil Northeast): A GIS-based analysis of CBERS and SPOT images to aid in local management. OCEAN & COASTAL MANAGEMENT, v. 89, p. 39-50, MAR 2014. Citações Web of Science: 26.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SANTOS, Luciana Cavalcanti Maia. A pesca nos manguezais no Estuário do Rio São Francisco: uma abordagem sócio-ecológica com ênfase no caranguejo Ucides cordatus (Linnaeus, 1763). 2015. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Biociências São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.