Busca avançada
Ano de início
Entree

Estratégias de planejamento baseado na estrutura do ligante para o desenvolvimento de novos candidatos a fármacos antimaláricos

Processo: 11/06587-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2011
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2011
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Biofísica - Biofísica Molecular
Pesquisador responsável:Rafael Victorio Carvalho Guido
Beneficiário:Evandro José Mulinari
Instituição-sede: Instituto de Física de São Carlos (IFSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Plasmodium falciparum   Inibidores   Relação quantitativa estrutura-atividade   Química médica   Malária

Resumo

O projeto de pesquisa abrange uma área extremamente sensível da saúde humana, referindo-se às doenças tropicais que afetam milhões de pessoas no mundo inteiro, especialmente em regiões mais pobres. O projeto visa o planejamento baseado na estrutura de ligantes para o desenvolvimento de novos agentes quimioterápicos para a malária. Inibidores potentes derivados do imidazol e triazol são candidatos a novos agentes antiparasitários com alto potencial de desenvolvimento clínico.O presente projeto incorpora estudos em química medicinal e modelagem molecular através do uso de técnicas de planejamento baseado na estrutura do ligante (LBDD) para o desenvolvimento de moléculas bioativas frente à culturas de Plasmodium falciparum. O projeto será desenvolvido nos Laboratórios de Química Medicinal e Computacional do Centro de Biotecnologia Molecular Estrutural CBME-CEPID/FAPESP, do Instituto de Física de São Carlos-USP. Os nossos laboratórios do CBME possuem completa infraestrutura para a realização de todas as etapas propostas neste projeto de iniciação científica.O grupo faz parte da Organização Mundial de Saúde (WHO, World Health Organization) como Centro de Referência Mundial em Química Medicinal para Doença de Chagas, e também do Programa Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia do MCT/MS/CNPq/FAPESP, como Instituto Nacional de Biotecnologia Estrutural e Química Medicinal em Doenças Infecciosas (INBEQMeDI), o que demonstra a qualidade do grupo na área de doenças tropicais e a importância desse projeto dentro do contexto dessas iniciativas no combate às doenças negligenciadas de enorme impacto mundial.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.