Busca avançada
Ano de início
Entree

Participação da neurotransmissão orexinérgica nas respostas cardiorrespiratórias à hipercarbia e hipóxia em sapos

Processo: 11/02460-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de junho de 2011
Vigência (Término): 31 de março de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia Comparada
Pesquisador responsável:Luciane Helena Gargaglioni Batalhão
Beneficiário:Elisa Maioqui Fonseca
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:10/16793-1 - Participação da neurotransmissão orexinérgica nas respostas cardiorrespiratórias à hipercarbia e à hipóxia em sapos, AP.R
Assunto(s):Neurotransmissores   Hipocretina

Resumo

A orexina ou hipocretina exerce uma importante modulação no controle cardiorrespiratório em mamíferos, mas nenhum estudo verificou tal possibilidade em vertebrado não mamíferos. Em vista disso, o objetivo do presente projeto será investigar a participação da neurotransmissão orexinérgica na regulação respiratória e cardiovascular em sapos (Rhinella schneideri) submetidos a condições de normóxia normocárbica (ar atmosférico), hipóxia e hipercarbia. Para tal, será realizada imunocitoquímica para c-fos, para averiguar se neurônios orexinérgicos são ativados em situações de hipercarbia (5% CO2) e hipóxia (5% O2), quando comparados à ativação em situação de normóxia normocárbica. Adicionalmente, será realizada microinjeção de agonista (orexina A) e antagonista orexinérgico para receptores OXR1 (SB-334867) ou veículo no ventrículo, para comparar as respostas cardiorrespiratórias a normóxia normocárbica, hipóxia e hipercarbia, antes e após a microinjecão. (AU)