Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da viabilidade geológica-geotécnica de solos argilosos como barreiras selantes

Processo: 11/07384-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2011
Vigência (Término): 30 de junho de 2012
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Civil - Geotécnica
Pesquisador responsável:Valéria Guimarães Silvestre Rodrigues
Beneficiário:Túlio Queijo de Lima
Instituição-sede: Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Geotecnia ambiental   Solo argiloso

Resumo

A contaminação do meio ambiente produzida pela disposição inadequada de resíduos vem sendo motivo de preocupação mundial. No Brasil, estima-se que existam mais de 15.000 áreas degradadas fruto dessa ação. A caracterização e o desenvolvimento de técnicas para minimizar e prevenir esta contaminação tem gerado diversos estudos no âmbito científico e/ou tecnológico. Pesquisas realizadas na área de geotecnia ambiental vêm contribuindo para o entendimento do transporte de elementos tóxicos, como também na definição de técnicas mais apropriadas para a atenuação da mobilidade desses contaminantes, utilizando materiais naturais (solos argilosos) como solução de baixo custo na impermeabilização de áreas de deposição de resíduos. Neste contexto, existe crescente interesse na aplicação de argilas na remoção/retenção de metais, devido ao seu elevado potencial de adsorção, que associado a sua ampla distribuição as torna adsorventes de baixo custo. Desta forma, a presente pesquisa visa avaliar a viabilidade geológica-geotécnica de solos argilosos, coletados na região do Vale do Ribeira, para serem empregados como barreiras selantes (liners) e cobertura (cover systems) no encapsulamento de resíduos de mineração enriquecidos em metais (Pb, Zn, Cu, Cr, As e Cd) que foram depositados diretamente no solo na região do Vale do Ribeira. Para tanto, serão realizados ensaios de plasticidade, granulométricos, mineralógicos, químicos e batch tests. A caracterização geológica-geotécnica fornece dados com relação aos elementos presentes no solo e suas propriedades, o que facilita o entendimento das possíveis interações que poderão existir entre este solo e o contaminante, e sua capacidade de sorção.