Busca avançada
Ano de início
Entree

O sentimento moderno de infância e seus destinos: do His Majesty the Baby aos embriões-excedentes da ciência

Processo: 11/03897-6
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 16 de julho de 2012
Vigência (Término): 15 de julho de 2013
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Fundamentos da Educação
Pesquisador responsável:Leandro de Lajonquière
Beneficiário:Leandro de Lajonquière
Anfitrião: Laurence Gavarini
Instituição-sede: Faculdade de Educação (FE). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa: Université Vincennes Saint-Denis (Paris 8), França  
Assunto(s):Infância   Família (psicologia)   Pós-modernidade   Maternidades   Feminilidade   Psicanálise

Resumo

Nas últimas décadas do século XX a criança-rei deu lugar à criança-mártir segundo o célebre historiador Philippe Ariès. Em Figuras do Infantil (2010) tratamos desse destino possível para o sentimento de infância na pós-modernidade. Nesta oportunidade, pretendemos retomar essa temática à luz do debates sobre, por um lado, a sexualidade feminina na psicanálise e, por outro, a crise dos referencias simbólicos genealógicos em virtude do império das técnicas de procriação artificial. Chama a atenção o caráter sui generis da realidade simbólica dos embriõesexcedentes produzidos pela ciência e "poupados" em bancos genéticos. Intuímos que o embrião-excedente, por um lado, precipita à sua maneira a tensão embutida na série suplementar mãe/mulher e, por outro, implica numa outra relação do homem e damulher com o próprio corpo. O plano de estudos em Paris gira em torno desta hipótese: o embrião-excedente num mundo sem estado de bem estar social parece "sugar" a realeza moderna de His Majesty the Baby. As questões são: De que forma?E até que ponto? (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)