Busca avançada
Ano de início
Entree

Alterações epigenéticas como biomarcadores em câncer de cabeça e pescoço

Processo: 11/02864-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2011
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Eny Maria Goloni Bertollo
Beneficiário:Lidia Maria Rebolho Batista Arantes
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FAMERP). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). São José do Rio Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Neoplasias de cabeça e pescoço   Genética médica

Resumo

A ativação de protoncogenes e a inativação de genes supressores tumorais são as principais alterações genéticas envolvidas na carcinogênese. Dentre os principais mecanismos de alterações epigenéticas estão a metilação do DNA, o imprinting genômico e a modificação das proteínas histonas da cromatina. Padrões alterados de metilação do DNA são encontrados em diversas doenças, especialmente no câncer, onde ocorre uma perda do controle de metilação do DNA. O aumento da metilação na região promotora de um gene supressor tumoral pode levar a redução progressiva da sua expressão, resultando no silenciamento do mesmo e na seleção de células com vantagem proliferativa. Análises realizadas nos padrões de metilação do DNA mostram que este processo pode ser usado como biomarcador de diagnóstico precoce, assim como para classificação, prognóstico e terapias dos cânceres humanos. Assim, a avaliação de alterações epigenéticas, tais como a metilação do DNA, seria útil como ferramenta no diagnóstico, prognóstico e prevenção do câncer. Este projeto tem como objetivo identificar e caracterizar padrões de metilação que possam predizer prognóstico e/ou estar envolvidos com a progressão do câncer de cabeça e pescoço. Para isso, serão utilizados os métodos de análise do perfil de metilação de DNA (tratamento com bissulfito de sódio, purificação do DNA tratado com bissulfito, amplificação das regiões de interesse via QMSP-PCR) e reação de pirosequenciamento. Serão criados oligonucleotídeos específicos para analisar metilação, tendo como alvo inicial um grupo de 13 genes (MGMT; DAPK1; DCC; CDKN2A (P16); CDH1; AIM1; CCNA1; HIC1; RASSF5; MST1; LATS1; LATS2 e TIMP3). Serão utilizados: programa estatístico SPSS, testes qui-quadrado ou t de Student, teste exato de Fischer e Kaplan-Meier.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
REBOLHO BATISTA ARANTES, LIDIA MARIA; DE CARVALHO, ANA CAROLINA; MELENDEZ, MATIAS ELISEO; CARVALHO, ANDRE LOPES. Serum, plasma and saliva biomarkers for head and neck cancer. EXPERT REVIEW OF MOLECULAR DIAGNOSTICS, v. 18, n. 1, p. 85-112, 2018. Citações Web of Science: 15.
ARANTES, L. M. R. B.; DE CARVALHO, A. C.; MELENDEZ, M. E.; CENTRONE, C. C.; GOIS-FILHO, J. F.; TOPORCOV, T. N.; CALY, D. N.; TAJARA, E. H.; GOLONI-BERTOLLO, E. M.; CARVALHO, A. L.; GENCAPO. Validation of methylation markers for diagnosis of oral cavity cancer. EUROPEAN JOURNAL OF CANCER, v. 51, n. 5, p. 632-641, MAR 2015. Citações Web of Science: 20.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.