Busca avançada
Ano de início
Entree

Cálculo das frequências dos modos fundamentais das estrelas de nêutrons

Processo: 11/12112-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de agosto de 2011
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física das Partículas Elementares e Campos
Pesquisador responsável:Odylio Denys de Aguiar
Beneficiário:Patrick da Rosa Silveira
Instituição-sede: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). São José dos Campos , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:06/56041-3 - Nova física no espaço: ondas gravitacionais, AP.TEM
Assunto(s):Estrelas de nêutrons   Ondas gravitacionais

Resumo

O trabalho baseia-se no estudo de estrelas de nêutrons como fontes de ondas gravitacionais e a análise em particular do modo quasinormal fundamental (modo f). Obtendo primeiramente um modelo relativístico para uma estrela de nêutrons em equilíbrio, integrando numericamente as equações TOV, as quais descrevem um corpo esfericamente simétrico em equilíbrio gravitacional. Esperamos obter a solução do modo f para uma estrela de nêutrons com pulsações não-radiais, através da integração numérica das equações de perturbação. Espera-se que a maior parte da radiação gravitacional emitida pela estrela seja feita através desse modo, o que deverá facilitar a sua detecção. Além disso, a banda de freqüências de detecção do detector de ondas gravitacionais Mario Schenberg coincide com o previsto para os modos f, possibilitando a sua observação. A detecção destas freqüências fornecerá uma forma de se obter a massa e o raio da estrela de nêutrons emissora da radiação gravitacional observada. Como as freqüências dos modos quasinormais dependem da equação de estado utilizada, nossos resultados serão comparados para diferentes configurações.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.