Busca avançada
Ano de início
Entree

Pós-edição automática de textos traduzidos automaticamente

Processo: 11/03799-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2011
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Ciência da Computação - Metodologia e Técnicas da Computação
Pesquisador responsável:Helena de Medeiros Caseli
Beneficiário:Débora Beatriz de Jesus Martins
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Processamento de linguagem natural   Aprendizado computacional   Tradução automática

Resumo

A proposta de projeto de mestrado descrita neste documento tem como foco a pós-edição da tradução automática (TA) e faz parte da linha de pesquisa de processamento automático de línguas naturais (PLN), vinculada à área de inteligência artificial (IA). As pesquisas em TA, utilizando desde abordagens linguísticas até modelos estatísticos, têm avançado muito desde seu início na década de 1950. Entretanto, os textos traduzidos automaticamente, exceto quando utilizados apenas para um entendimento geral do assunto, ainda precisam passar por pós-edição para que se tornem bem escritos na língua alvo. Atualmente, a forma mais comum de pós-edição é a executada por tradutores humanos, sejam eles profissionais ou os próprios usuários dos sistemas de TA. Esse pós-processamento manual gera custo e demanda tempo, além de nem sempre produzir a saída considerada ideal. Como uma tentativa para avançar no estado-da-arte das pesquisas em TA, principalmente envolvendo o português do Brasil, o projeto aqui proposto visa o desenvolvimento de um sistema de pós-edição automática (Automatic Post-Edition ou APE). Por meio da utilização de corpora de referência (contendo traduções boas efetuadas por humanos) e sua comparação com traduções geradas por sistemas de TA, o APE proposto deverá aprender automaticamente regras de correção, efetuar seu armazenamento e decidir quando devem ser aplicadas. A pesquisa proposta será desenvolvida na Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), no Laboratório de Linguística Computacional (LaLic), pela aluna de mestrado Débora Beatriz de Jesus Martins, sob orientação da Profa. Dra. Helena Caseli. Nesse sentido, os recursos linguístico-computacionais derivados do projeto aqui proposto serão acoplados ao Portal de Tradução Automática, um projeto em desenvolvimento com apoio da FAPESP (#2010/07517-0), sob a coordenação da Profa. Helena. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE JESUS MARTINS, DEBORA BEATRIZ; CASELI, HELENA DE MEDEIROS. Automatic machine translation error identification. MACHINE TRANSLATION, v. 29, n. 1, p. 1-24, MAR 2015. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.