Busca avançada
Ano de início
Entree

Comportamento de cultivares de uva para mesa e vinho sobre diferentes porta-enxertos

Processo: 11/12769-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de agosto de 2011
Vigência (Término): 30 de junho de 2013
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Marco Antonio Tecchio
Beneficiário:Eliane Moreira da Costa
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:11/03440-6 - Comportamento de cultivares de uva para mesa e vinho sobre diferentes porta-enxertos, AP.R
Assunto(s):Viticultura   Porta-enxertos

Resumo

Objetiva-se avaliar a influência de porta-enxertos no comportamento da cultivar de uva para mesa Vênus e em cultivares de uva para vinho viníferas, híbridas e comuns. Serão realizados dois experimentos no período de junho de 2011 a junho de 2013. Com a cultivar Vênus o experimento será realizado em Votuporanga, utilizando-se os porta-enxertos IAC 766, IAC 572, IAC 313 e IAC 571-6. O experimento com as cultivares de uvas para vinho Isabel, Bordô, Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc, Merlot, Syrah, Sauvignon Blanc, IAC 138-22 Máximo, IAC 116-31 Rainha, IAC 21-14 Madalena, BRS Lorena e BRS Violeta enxertadas nos porta-enxertos IAC 766'e Ripária do Traviú será realizado em Jundiaí. O delineamento experimental utilizado será em blocos inteiramente casualizados. Em cada área experimental serão avaliados em dois ciclos produtivos, a duração dos estádios fenológicos, e, na época do pleno florescimento, amostragem de folhas para análise química de nutrientes. Na colheita será avaliado o número de cachos por planta, a produtividade, as características físicas dos cachos e bagas, os teores de sólidos solúveis, acidez titulável, pH e a relação sólidos solúveis/acidez. Adicionalmente, no experimento de uvas para vinho serão determinados os teores de antocianinas totais, fenóis e taninos no mosto da uva. Na ocasião da poda dos ramos e colheita dos cachos, será estimada a extração de macro e micronutrientes. Os dados de extração de nutrientes pelos cachos e ramos removidos pela poda poderão ser utilizados para auxiliar na adubação de reposição dos vinhedos, visando dar subsídios para a recomendação de adubação dessas cultivares de uva.