Busca avançada
Ano de início
Entree

Formação de palavras truncadas em português brasileiro: processo aplicado à raiz

Processo: 11/10818-5
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 26 de setembro de 2011
Vigência (Término): 12 de agosto de 2012
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Linguística - Teoria e Análise Lingüística
Pesquisador responsável:Ana Paula Scher
Beneficiário:Ana Paula Scher
Anfitrião: Andrew Ira Nevins
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : University College London (UCL), Inglaterra  
Assunto(s):Morfossintaxe   Formação das palavras

Resumo

O presente projeto de pesquisa sugere a análise de formas truncadas do tipo "forasta", sinônima de "forasteiro", em português brasileiro (PB), ou "cafeta", sinônima de "cafeteria", em espanhol peninsular (EP), sob a perspectiva do modelo da Morfologia Distribuída (MD), proposto em Halle & Marantz (1993), e de seus desenvolvimentos mais recentes, apresentados em Siddiqi (2009) e Embick (2010), por exemplo. Seu principal objetivo é identificar, tanto quanto possível, sistematicidade no processo de formação dessas formas truncadas. Também pretendemos oferecer uma análise para esse processo, fundamentada nos pressupostos da MD, entre os quais, aquele que diz que todo processo de formação de palavras é sintático e se dá a partir da raiz. (AU)