Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo in vitro da morfologia e da resistência adesiva da resina à dentina humana irradiada com laser de Er:YAG e submetida ao desafio erosivo

Processo: 11/02925-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2011
Vigência (Término): 31 de julho de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Clínica Odontológica
Pesquisador responsável:Carlos de Paula Eduardo
Beneficiário:Thaysa Monteiro Ramos
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FO). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Dentística   Erosão dentária   Dentina   Microtração   Resistência de união (odontologia)

Resumo

O tratamento da erosão dental transformou-se no novo desafio do século XXI e a restauração direta com resina composta é uma opção para lesões severas. Com o aprimoramento da tecnologia, a utilização do laser para pré-tratamento da superfície dentinária antes do condicionamento ácido, tem sido considerada como método alternativo. Assim, o objetivo deste estudo é avaliar se a irradiação com laser de Er:YAG da superfície dentinária em lesões de erosão dental é capaz de promover uma melhor adesão à resina composta. Na fase 1 será avaliada, por meio da Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV), a morfologia da superfície dentinária hígida e da submetida ao desafio erosivo, antes e após os tratamentos de superfície (sem tratamento, ponta diamantada e laser de Er:YAG). Serão utilizados 12 fragmentos de dentina, divididos aleatoriamente em 6 grupos (n=2). Na fase 2, serão preparadas 132 amostras, nas quais serão avaliadas a qualidade da interface de união (n=2) e a resistência adesiva (n=10) entre a resina composta e as dentina hígida e erodida, submetidas a diferentes tratamentos de superfície, com 2 sistemas adesivos (01 autocondicionante e 01 com condicionamento ácido prévio). Para o ensaio de microtração, serão obtidos palitos de 1,0 X 1,0 mm e a análise do padrão de fratura será realizada em lupa estereoscópica. Os dados de resistência de união serão avaliados por testes estatísticos paramétricos (±= 5%) e as avaliações das microscopias serão feitas de forma descritiva. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RAMOS, THAYSA MONTEIRO; RAMOS-OLIVEIRA, THAYANNE MONTEIRO; DE FREITAS, PATRICIA MOREIRA; AZAMBUJA, JR., NILTON; ESTEVES-OLIVEIRA, MARCELLA; GUTKNECHT, NORBERT; EDUARDO, CARLOS DE PAULA. Effects of Er:YAG and Er,Cr:YSGG laser irradiation on the adhesion to eroded dentin. Lasers in Medical Science, v. 30, n. 1, p. 17-26, JAN 2015. Citações Web of Science: 14.
RAMOS, THAYSA MONTEIRO; RAMOS-OLIVEIRA, THAYANNE MONTEIRO; MORETTO, SIMONE GONCALVES; DE FREITAS, PATRICIA MOREIRA; ESTEVES-OLIVEIRA, MARCELLA; EDUARDO, CARLOS DE PAULA. Microtensile bond strength analysis of adhesive systems to Er:YAG and Er,Cr:YSGG laser-treated dentin. Lasers in Medical Science, v. 29, n. 2, SI, p. 565-573, MAR 2014. Citações Web of Science: 14.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
RAMOS, Thaysa Monteiro. Avaliação in vitro da morfologia e da resistência de união de adesivos à dentina humana hígida ou submetida à ciclagem erosiva e irradiada com os lasers de Er:YAG e Er,Cr:YSGG. 2012. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Odontologia São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.