Busca avançada
Ano de início
Entree

Pesquisa de materiais para confecção de velas e fixação das mesmas no gerador eólico a Vela de Eixo Vertical

Processo: 11/12987-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de agosto de 2011
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2012
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Salvator Licco Haim
Beneficiário:Rubens de Andrade Neto
Empresa:Balloon Indústria, Comércio, Exportação e Importação Ltda
Vinculado ao auxílio:10/51468-4 - Pesquisa de materiais para confecção de velas e fixação das mesmas no Gerador Eólico e a Vela de Eixo Vertical (GEVEV), AP.PIPE
Assunto(s):Vento   Vela

Resumo

A utilização de velas numa turbina de eixo vertical é uma inovação e objeto de solicitação de depósito de pedido de patente junto ao INPI, nº. PI 0904590 -2, com o título "Turbina Eólica a Vela", do Engenheiro Luiz Fernando Pimentel do Rego Freitas, que será o pesquisador responsável pela determinação teórica dos esforços nas velas e nos seus elementos de fixação. Uma ilustração da inovação segue como anexo da Proposta da Pesquisa. O sistema de captação dos ventos por vela se mostrou bastante promissor nos testes preliminares, feitos com modelo reduzido, para verificar a exiquibilidade do conceito e realizados tanto com ventos de baixa velocidade como com ventos de velocidade mais alta e também com regime de ventos turbulentos gerados por ventiladores. A incerteza é a resistência do material usado na confecção das velas que serão submetidas a grandes e variáveis esforços, além de estarem sujeitas à ação do tempo.O objetivo da pesquisa será determinar o material mais adequado para a fabricação das velas e fixação da mesma na estrutura da turbina de modo que resistam aos esforços a que serão submetidas e às intempéries viabilizando técnica e economicamente o gerador eólico a vela de eixo vertical para médias potencias. O conceito de eixo vertical é reconhecido como o ideal para captadores eólicos de pequena e média potencia e a utilização de velas no sistema de captação se trata de evolução do conceito da Turbina Savonius e que permitirá a geração de energia com ventos de baixa intensidade ou com ventos turbulentos, o que não ocorre com as turbinas tradicionais.Serão selecionados cerca de 50 materiais sintéticos e testados no SENAI de Americana com o objetivo de chegar aos 5 melhores para testes com resina e calandra na Fase 2.O sucesso nessa pesquisa e conseqüente viabilização do gerador eólico a velas permitirão a empresa explorar um promissor nicho de mercado (de 2 a 100 kW) que ainda não está sendo explorado pela geração eólica no mercado brasileiro. O foco atual de geradores eólicos é para potencias abaixo de 2 kW e acima de 400 kW (grandes geradores de eixo horizontal).O GEVEV permitirá a redução de uso dos geradores movidos à combustível fóssil em comunidades distantes e ou isoladas ampliando os benefícios do uso de energia elétrica.A participação neste programa FAPESP permite um desenvolvimento mais rápido e efetivo do conhecimento na área de velas para o GEVEV além de ampliar a visibilidade e importância dos geradores eólicos de pequeno e médio porte no mercado brasileiro.