Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito dos agentes clareadores na microdureza e rugosidade de compósitos restauradores selados

Processo: 11/06638-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2011
Vigência (Término): 31 de julho de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Materiais Odontológicos
Pesquisador responsável:Paulo Henrique dos Santos
Beneficiário:Renan Aparecido Fernandes
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araçatuba. Araçatuba , SP, Brasil
Assunto(s):Clareamento de dente   Resinas compostas

Resumo

O objetivo deste estudo será avaliar a microdureza e a rugosidade de superfície de resinas compostas antes e após procedimentos de clareamento dental vital. Trinta amostras de esmalte serão obtidas das superfícies vestibular e lingual de molares humanos. Sessenta corpos-de-prova serão confeccionados para cada compósito (Supreme XT, 3M/Espe e Opallis, FGM), sendo que em metade das amostras de cada resina será aplicado o selante de superfície Biscover (Bisco). Inicialmente será realizada a análise de rugosidade de superfície no rugosímetro SJ-401 (Mitutoyo) e da microdureza Knoop no microdurômetro HMV-2000 (Shimadzu), sob ação de uma carga de 50 gramas por 15 segundos. Após as leituras iniciais, 10 amostras de esmalte, bem como 10 corpos-de-prova de cada compósito selado e não selado, serão submetidos aos clareamentos com peróxidos de hidrogênio 35% e carbamida 16%, além da água destilada como controle. Após os procedimentos de clareamento dental, serão realizadas novamente as leituras de microdureza e rugosidade. Os dados de microdureza Knoop e rugosidade de superfície serão submetidos a testes estatísticos de normalidade e testes específicos para verificação da significância entre as médias (± = 0.05).