Busca avançada
Ano de início
Entree

Variabilidade interpopulacional em praias arenosas: estudo de caso sobre a zonação, reprodução e crescimento de Olivella minuta (Gastropoda, Olividae)

Processo: 09/15893-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2011
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Oceanografia - Oceanografia Biológica
Pesquisador responsável:Alexander Turra
Beneficiário:Leonardo Querobim Yokoyama
Instituição-sede: Instituto Oceanográfico (IO). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Crescimento animal   Reprodução animal   Longevidade   Gastropoda

Resumo

As variações observadas em parâmetros biológicos entre populações são consequência direta de processos evolutivos ou da ação de fatores abióticos (como temperatura, salinidade e topografia da costa) e bióticos (como disponibilidade de alimento e competição). Assim, as diferenças registradas na dieta alimentar, crescimento alométrico e densidade entre duas populações de Olivella minuta, gastrópode comum em praias arenosas do Litoral Norte do Estado de São Paulo, compõe a base de conhecimento utilizada na avaliação de variações ecológicas entre populações. Análises prévias demonstraram baixas densidades, ausência de juvenis e indivíduos com maior tamanho na praia de Barequeçaba em comparação com a de Pernambuco (localizada na baía do Araçá), ambas no município de São Sebastião. Ademais, as dietas alimentares das duas populações apresentaram diferenças na composição e nos índices de repleção dos estômagos, com maiores valores observados em Pernambuco. Levando-se em consideração a Hipótese da Severidade Ambiental, esperar-se-ia diferenças em parâmetros populacionais entre estas duas populações de O. minuta, com indivíduos da população de Barequeçaba, praia com maior hidrodinamismo que a de Pernambuco, apresentando (1) zonação influenciada pelo tamanho dos indivíduos e menor investimento em (2) reprodução e (3) crescimento (ou menor longevidade). As amostragens serão realizadas nas praias de Pernambuco e de Barequeçaba, com metodologias adequadas a cada um dos três parâmetros investigados. A zonação, tanto em número quanto em tamanho dos indivíduos, será avaliada com amostragens ao longo da zona entremarés e no infralitoral. A reprodução será avaliada pela descrição da variação histológica das fases de maturação gametogênica ao longo do tempo, do tamanho da primeira maturidade e do investimento reprodutivo, este último utilizando-se o índice gonadal. O crescimento será avaliado com o uso dos estatólitos, cujos anéis de crescimento serão contados e a relação entre seu diâmetro total e o comprimento da concha será ajustada para obtenção da chave idade-comprimento para cada anel. Estes dados serão ajustados à curva de crescimento de von Bertalanffy para aquisição dos parâmetros de crescimento. Tais objetivos permitirão ampliar a compreensão sobre como variações ambientais podem gerar contrastes populacionais em gastrópodes de regiões tropicais e em invertebrados como um todo, possibilitando, portanto, o entendimento do impacto que eventuais alterações ambientais podem ocasionar na biota de praias arenosas. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DAHLET, LOL IANA; CHECON, HELIO HERMINIO; YOKOYAMA, LEONARDO Q.; TURRA, ALEXANDER. Patterns of shell utilization by hermit crabs as a proxy of gastropod population dynamics. MARINE BIOLOGY RESEARCH, v. 15, n. 7, p. 424-433, AUG 9 2019. Citações Web of Science: 0.
CORTE, GUILHERME N.; YOKOYAMA, LEONARDO Q.; DENADAI, MARCIA R.; BESSA, EDUARDO; SALLES, MARIA CLAUDIA Z.; TURRA, ALEXANDER. Egg-capsule deposition of the marine gastropod Olivella minuta: the importance of an interspecific relationship with the soft-bottom bivalve Tivela mactroides. Journal of Molluscan Studies, v. 85, n. 1, p. 126-132, FEB 2019. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.