Busca avançada
Ano de início
Entree

O paradoxo da pobreza: estudo sobre os impactos do desenvolvimento no hábito alimentar das comunidades do sítio histórico Kalunga (GO)

Processo: 11/08686-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de agosto de 2011
Vigência (Término): 31 de março de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia Aplicada
Pesquisador responsável:Maria Elisa de Paula Eduardo Garavello
Beneficiário:Rodrigo de Jesus Silva
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Pobreza   Hábitos alimentares   Quilombos   Goiás

Resumo

Este projeto objetiva avaliar os impactos do desenvolvimento sobre as comunidades remanescentes de quilombo Kalunga - localizadas no nordeste do estado de Goiás - através da transformação do hábito alimentar tradicional local. Ao relativizar o conceito de pobreza no contexto das populações tradicionais isoladas, considera-se que, apesar dos seus baixos índices de desenvolvimento, tais povos podem apresentar um intricado arranjo cultural local que os predispõem a uma alimentação mais diversificada e saudável, comparativamente àquelas mais próximas ao meio urbano. Mas o desenvolvimento calcado no processo de globalização mundial e industrialização crescente têm substituído as produções locais saudáveis por produtos processados de fácil acesso - os chamados itens de supermercado - transformando o hábito alimentar nos Kalunga. A partir disso, assume-se que, em uma conjuntura de isolamento historicamente estabelecido, é importante que a pobreza seja avaliada em termos de aspectos culturais locais, assumindo-se ser esta privação das capacidades básicas, e não apenas identificada como baixa renda. Com enfoque tanto descritivo quanto analítico este estudo visa entender a relação entre desenvolvimento e transformação cultural em comunidades tradicionais isoladas, investigando, principalmente, as possíveis transformações do hábito alimentar local devido ao aumento da urbanização, da renda, do maior acesso à economia de mercado, etc. Para tanto, serão empregadas avaliações quantitativas e qualitativas. As quantitativas serão realizadas através da análise isotópica de unhas coletadas nos Kalunga e através do cálculo dos indicadores de desenvolvimento desagregados por comunidade. Já as qualitativas serão aplicadas no sentido de contrapor os dados isotópicos àqueles obtidos a partir de depoimentos da população local, e observação em campo. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Dieta da população brasileira está cada vez mais padronizada 
Diet of Brazilian population is increasingly standardized 
La alimentación de la población brasileña es cada vez más uniforme 

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SILVA, RODRIGO DE JESUS; DE PAULA EDUARDO GARAVELLO, MARIA ELISA; NARDOTO, GABRIELA BIELEFELD; MAZZI, EDMAR ANTONIO; MARTINELLI, LUIZ ANTONIO. Urban access and government subsidies impact livelihood and food transition in slave-remnant communities in the Brazilian Cerrado. AGRONOMY FOR SUSTAINABLE DEVELOPMENT, v. 39, n. 2 APR 2019. Citações Web of Science: 0.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SILVA, Rodrigo de Jesus. Impactos do desenvolvimento em comunidades tradicionais: transição agroalimentar e ajustes adaptativos. 2014. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz Piracicaba.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.