Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da biocorrosão induzida por Penicillium candidum em superfícies de aço aeronáutico 300M tratado termoquimicamente

Processo: 11/11727-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2011
Vigência (Término): 31 de agosto de 2012
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Biomédica - Bioengenharia
Pesquisador responsável:Walter Miyakawa
Beneficiário:Sabrina de Moura Rovetta
Instituição-sede: Instituto de Estudos Avançados (IEAv). Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA). Ministério da Defesa (Brasil). São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Aço   Biocorrosão   Fungos   Microscopia de força atômica

Resumo

Aços multifásicos encontram aplicações em diversos ramos da indústria e, dependendo da aplicação, alta tecnologia é empregada em seu desenvolvimento. Ainda assim, é interessante aprimorar algumas propriedades específicas, como dureza, resistência à corrosão, desgaste por atrito, etc., o que pode ser conseguido com tratamentos térmicos e termoquímicos de superfície. De fato, processos de nitretação e nitrocarbonetação a laser e a plasma têm se mostrado eficaz para essa finalidade. No que se refere à corrosão de aços aeronáuticos, após esses tratamentos de superfície, melhorias tem sido observadas com relação ao ataque por salt-spray. Porém, estudos de biocorrosão em aços tratados termoquímicamente a laser ou a plasma são raramente encontrados na literatura, o que não só motiva o desenvolvimento deste projeto, como também lhe confere um caráter original. Assim, o presente projeto tem como proposta avaliar microestruturalmente o efeito da biocorrosão induzida pelo fungo Penicillium candidum em aço aeronáutico multifásico 300M tratado termoquímicamente a plasma ou a laser.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)