Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo do imunofenótipo dos adenomas de células basais (enfatizando sua relação com as lesões do ducto intercalado) e das células mioepiteliais (influenciadas por fatores do microambiente tumoral)

Processo: 11/10366-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2011
Vigência (Término): 30 de abril de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Anatomia Patológica e Patologia Clínica
Pesquisador responsável:Albina Messias de Almeida Milani Altemani
Beneficiário:Victor Angelo Martins Montalli
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Matriz extracelular   Imuno-histoquímica   Cultura de células   Glândulas salivares

Resumo

As lesões salivares tumorais compostas por dupla população celular (epitelial e mioepitelial) são consideradas originárias do ducto intercalado. Estas lesões são subdivididas em diversas entidades que apresentam sobreposição morfológica, com delimitações entre elas nem sempre nítidas. Entre as neoplasias benignas estão o adenoma pleomórfico (AP) e o adenoma de células basais (ACB). Recentemente foi descrita uma nova entidade tumoral benigna, com composição epitelial e mioepitelial, denominada de lesão do ducto intercalado (LDI). A sobreposição de morfologia entre o ACB e as LDIs, adicionado ao fato do perfil imuno-histoquímico do ACB ter sido ainda pouco explorado, levou-nos a estudá-lo e verificar sua possível relação com as LDIs. Dado o papel crítico da célula mioepitelial na morfogênese das lesões tumorais salivares histogeneticamente relacionados ao ducto intercalado, o segundo objetivo do nosso estudo é ampliar o conhecimento sobre os fatores que influenciam o imunofenótipo e a secreção destas células. Investigaremos as modificações moduladas por sinalizações externas advindas da matriz extracelular e de fatores de crescimento. Para o primeiro objetivo utilizaremos um painel de anticorpos monoclonais em 25 casos de ACBs e 8 de LDIs, analisando as reações qualitativa e quantitativamente e comparando-as com as dos ductos intercalados normais. Para o segundo objetivo mimetizaremos in vitro o microambiente tumoral a fim de avaliarmos a influencia de diferentes proteínas da matriz extracelular (matrigel, colágeno tipo I e fibronectina), bem como, fatores de crescimento envolvidos na tumorigênese (EGF e TGF-²).

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MONTALLI, VICTOR ANGELO; MARTINEZ, ELIZABETH; TINCANI, ALFIO; MARTINS, ANTONIO; ABREU, MARIA DO CARMO; NEVES, CATARINA; COSTA, ANA FLAVIA; DE ARAUJO, VERA C.; ALTEMANI, ALBINA. Tubular variant of basal cell adenoma shares immunophenotypical features with normal intercalated ducts and is closely related to intercalated duct lesions of salivary gland. Histopathology, v. 64, n. 6, p. 880-889, MAY 2014. Citações Web of Science: 13.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.