Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do efeito fotodinâmico para o tratamento de Leishmaniose cutânea experimental em Hamsters.

Processo: 11/12808-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2011
Vigência (Término): 31 de julho de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Parasitologia - Protozoologia de Parasitos
Pesquisador responsável:Paulo Eduardo Martins Ribolla
Beneficiário:Grazielle de Araújo Lourenço Rodrigues
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Laser   Leishmaniose   Terapia fotodinâmica

Resumo

A Terapia Fotodinâmica é uma modalidade médica baseada na interação entre luz e fotossensibilizador, na presença do oxigênio, visando causar morte celular. Quando iluminado com comprimento de onda adequado, interage com o oxigênio celular resultando em espécies reativas capazes de induzir a inviabilização de células, acometendo sua morte. O controle da biodistribuição do agente fototerapêutico assegura a seletividade da terapia, visto que o processo dinâmico só ocorre na área irradiada.O tratamento de patologias dermatológicas pela Terapia Fotodinâmica está em desenvolvimento desde o final dos anos 70, porém pouco explorado, possivelmente devido a descobertas de drogas antimicrobianas. Após pouco tempo de uso dessas drogas como agentes terapêuticos, observou-se a resistência de alguns micro-organismos, fato que dificulta o tratamento, tornando-se necessário o desenvolvimento de novos métodos terapêuticos, como por exemplo, a retomada de estudos sobre a terapia fotodinâmica antimicrobiana.A Leishmaniose cutânea é uma dentre as variantes da doença tegumentar freqüente nas regiões brasileiras, principalmente no norte e nordeste do país. Uma infecção causada pelo protozoário Leishmania major afeta pele e mucosa com o desenvolvimento de úlceras. Seu tratamento consiste basicamente de poucos fármacos como os antimoniais e a pentamidina, que além de apresentarem efeitos colaterais importantes, muitas vezes são ineficazes devido à aquisição de resistência pelo parasito.Neste estudo, pretende-se avaliar a ação do efeito fotodinâmico sobre o crescimento in vivo da Leismaniase major, utilizando o laser como fonte luminosa.