Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo eletroquímico e caracterização microestrutural de camadas de conversão isentas de cromo hexavalente e sem enxágue aplicadas sobre superfícies galvanizadas

Processo: 11/13367-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2011
Vigência (Término): 30 de setembro de 2012
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Metalurgia Física
Pesquisador responsável:Hercílio Gomes de Melo
Beneficiário:Milton José Pimenta Segundo
Instituição-sede: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Assunto(s):Corrosão

Resumo

Os processos de passivação são muito importantes, tanto como meio de proteção contra a corrosão como para a aplicação posterior de sistemas de pintura. Muitos dos processos de passivação atualmente empregados industrialmente utilizam banhos contendo íons de cromo hexavalente (CrVI+). Entretanto, apesar de eficientes, estes tratamentos devem ser banidos de uso industrial devido às suas características poluentes e carcinogênicas. O acompanhamento dos trabalhos publicados na literatura mostra que, até o momento, nenhum processo encontra-se disponível de forma a substituir completamente as camadas de conversão de cromatos no que diz respeito à resistência à corrosão, além de não propiciarem adesão semelhante para os revestimentos aplicados. Particularmente no que concerne às superfícies zincadas, para viabilizar a substituição, deve-se também considerar as linhas galvânicas já existentes, evitando altos custos com adaptações e a inclusão de etapas no processo que diminuiriam a produtividade. Nas linhas contínuas de zincagem por eletrodeposição, é utilizado um banho de CrVI+ que protege a superfície sem necessidade de enxágue. As alternativas a este tratamento existentes no mercado são a base de sais (silicatos, cromo trivalente etc.), e, para conferir boa resistência à corrosão, há a necessidade de uma etapa de enxágue, antes da secagem, dificultando a substituição direta dos tanques de CrVI+ pelos novos produtos. O objetivo deste projeto é estudar a resistência à corroão de camadas de conversão obtidas de banhos de passivação, isentos de CrVI+, sem a necessidade da etapa de enxágue, que apresentem o mesmo desempenho daquelas que contêm sais deste íon, de forma a atender as exigências de mercado, ambientais e toxicológicas, permitindo o aproveitamento das linhas de eletrogalvanização já existentes nas indústrias.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.