Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da exposição à dexametasona sobre a expressão de miRNA no pâncreas endócrino de ratas prenhes

Processo: 11/01568-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2011
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Silvana Auxiliadora Bordin da Silva
Beneficiário:Patrícia Rodrigues Lourenço Gomes
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/50809-5 - Inflamação e resposta imune em obesidade, AP.TEM
Assunto(s):Gravidez   MicroRNAs   Pâncreas   Dexametasona   Fisiologia endócrina

Resumo

Na última década o complexo quadro da regulação da expressão gênica se ampliou após o descobrimento dos microRNA (miRNA). miRNA são RNAs com cerca de 20-30 nucleotídeos não codificadores, amplamente expressos em organismos multicelulares. Em mamíferos, os miRNA atuam principalmente como repressores da tradução. Dados recentes da literatura sugerem que os miRNA desempenham funções diretas na regulação da secreção de insulina, no desenvolvimento do pâncreas endócrino e na diferenciação das células beta. Em conjunto, essas evidências indicam que os miRNA são capazes de modular as concentrações sanguíneas de glicose e, provavelmente, estão envolvidos na patogênese do Diabetes Mellitus (DM). Já é bem conhecida a relação entre gestação, secreção de hormônios diabetogênicos e alterações na homeostasia glicêmica que podem levar ao aparecimento de DM2. Dentre esses hormônios destacam-se os glicocorticoides, que alteram a secreção e a ação da insulina nos tecidos responsivos, por mecanismos ainda não completamente esclarecidos. Assim, este projeto visa avaliar os efeitos do tratamento com dexametasona (DEX) no final da gestação de ratas sobre a expressão de miRNA em ilhotas pancreáticas. Para isto serão utilizadas 40 ratas dividas em: CC - ratas controle, CCDex - ratas controle tratadas com DEX por 7 dias, CG - ratas prenhes e, GDex - ratas prenhes tratadas com DEX no 3° período de gestação. Os tecidos serão utilizados para análise em larga escala da expressão de miRNA. Os genes candidatos a alvos dos miRNA regulados serão rastreados em bancos de dados e validados por superexpressão/bloqueio dos miRNA, seguido da análise do conteúdo das proteínas potencialmente reguladas por Western blot. Com os resultados obtidos neste projeto espera-se identificar alvos precocemente alterados no DM2 tanto na sinalização como na secreção da insulina, permitindo estudos futuros de estratégias terapêuticas antes do estabelecimento da doença.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
GOMES, Patrícia Rodrigues Lourenço. Efeito da exposição à dexametasona sobre a expressão de miRNA no pâncreas endócrino e a homeostasia glicêmica de ratas prenhes.. 2015. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.