Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da degradação de naftaleno utilizando-se de tecnologias avançadas de oxidação

Processo: 11/17674-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2011
Vigência (Término): 30 de novembro de 2012
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Tecnologia Química
Pesquisador responsável:Valquiria de Campos
Beneficiário:Cintia Akemi Kadowaki
Instituição-sede: Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus Experimental de Sorocaba. Sorocaba , SP, Brasil
Assunto(s):Solos   Contaminação   Poa

Resumo

Diversas tecnologias têm sido estudadas objetivando a remoção de compostos orgânicos em subsuperfície incluindo processos fundamentados na oxidação biológica por microrganismos ou mesmo, pelo método de atenuação natural. A especificidade de uma contaminação por óleo diesel reside no fato de que o óleo diesel constitui-se de uma mistura de hidrocarbonetos totais de petróleo, incluindo os hidrocarbonetos policíclicos aromáticos (HPA), como o naftaleno. Dentro deste contexto, o tratamento de poluentes orgânicos recalcitrantes por processos oxidativos avançados tem se mostrado uma alternativa bastante promissora. Desta forma, este projeto tem como objetivo principal avaliar a potencialidade de um dos processos oxidativos avançados (pseudo-Fenton), em relação à remediação de solo argiloso, rico em ferro, contaminado com naftaleno.