Busca avançada
Ano de início
Entree

Polissacarídeos da biomassa do basidiomiceto RHIZOCTONIA SOLANI: extração, purificação e caracterização

Processo: 11/13088-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2011
Vigência (Término): 30 de novembro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Química de Macromoléculas
Pesquisador responsável:Maria de Lourdes Corradi Custodio da Silva
Beneficiário:Samara Marrye Aguiar Alexandre
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Assunto(s):Metilação

Resumo

Considerando que o micélio fúngico pode constituir uma importante fonte de compostos químicos, incluindo os polissacarídeos, a obtenção, o conhecimento da estrutura e atividade biológica de tais moléculas poderá contribuir para a utilização prática e racional da biomassa produzida a partir do cultivo do microrganismo. Esse trabalho terá como objetivo estudar a biomassa do Rhizoctonia solani, cultivado neste laboratório.Para obtenção dos polissacarídeos a biomassa será lavada com água destilada, exaustivamente, até que nenhum resíduo de açúcar livre seja detectado pelo método do fenol-ácido sulfúrico, garantindo a total remoção do EPS. A massa micelial será seca, fragmentada e submetida, consecutivamente, a três diferentes procedimentos extrativos: água fria (3x), água fervente (3x) e hidróxido de potássio a 2% (1x). Essas extrações separarão as biomoléculas em grupos, de acordo com suas solubilidades.A purificação dos extratos polissacarídeos será efetuada por processos repetidos de congelamento e descongelamento, precipitação por formação de complexo solúvel e insolúvel em Cu2+ (Precipitação com solução de Fehling) e cromatografia de filtração em gel, entre outros. As etapas de purificação serão monitoradas pelo perfil cromatográfico obtido por cromatografia de gel permeação e/ou exclusão estérica acoplada à detecção por índice de refração. Essa técnica também será utilizada para a determinação da massa molecular dos polissacarídeos, após estarem puros, por comparação a padrões de polissacarídeos, tais como dextrana. Tendo em vista que a caracterização estrutural de polissacarídeos é de grande importância para se entender os efeitos biológicos apresentados por esta classe de polímeros, a presente pesquisa visa, também, a elucidação estrutural dos polissacarídeos utilizando as técnicas convencionais em química de carboidratos tais como hidrólise, metilação e ressonância magnética nuclear de carbono treze e próton, uni- e bidimensionais.