Busca avançada
Ano de início
Entree

A prática da Terapia Ocupacional no campo da educação inclusiva: estudo de revisão bibliográfica do período de 2002 a 2011

Processo: 11/13324-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2011
Vigência (Término): 30 de novembro de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Fatima Correa Oliver
Beneficiário:Gabriela de Oliveira Cassimiro
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Literatura de revisão   Educação especial   Terapia ocupacional   Defesa das pessoas com deficiência

Resumo

Este projeto de pesquisa tem por objetivo geral conhecer o desenvolvimento e a fundamentação da prática profissional da Terapia Ocupacional no campo da educação inclusiva. Por meio do conhecimento das práticas realizadas por terapeutas ocupacionais no campo da Educação Inclusiva e dos eixos teóricos que as sustentam pretende-se também contribuir para o reconhecimento das tendências atuais, da fundamentação da prática profissional e da produção bibliográfica na área. Trata-se de um estudo de revisão sistemática da literatura de Terapia Ocupacional no campo educacional, publicada no período de 2002 a 2011. Serão consultados os periódicos e bases de dados internacionais e nacionais relacionados à saúde, à educação e à terapia ocupacional. Também serão levantados livros e publicações de anais dos Congressos de Terapia Ocupacional. Para a análise dos resultados e criação de categorias relacionadas à identificação das tendências de fundamentação da prática e da literatura serão realizadas apresentações, inicialmente, descritivas do material encontrado (por ano, tipo de produção, instituições de origem dos autores) e, posteriormente, serão realizadas leituras em profundidade para identificação das tendências teórico-metodológicas observadas nos diferentes estudos relacionados a: 1. Ações diretas à pessoa com deficiência, à capacitação profissional e da comunidade escolar; 2. Diferentes modelos de avaliação do educando e de suas necessidades; 3. Representações, sentidos e significados da inclusão escolar para as pessoas, para os profissionais e para a comunidade escolar e 4. Desenvolvimento de programas ou de políticas de educação inclusiva. O estudo contribuirá também para a formação do estudante no âmbito da pesquisa bibliográfica.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.