Busca avançada
Ano de início
Entree

(rE)α descobrindo outros mundos rurais pôr detrás dós canaviais. Um estudo sôbre o Município de Piracicaba - SP

Processo: 11/13922-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2012
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Sociologia Rural
Pesquisador responsável:Maria Aparecida de Moraes Silva
Beneficiário:Alice Miguel de Paula Peres
Instituição-sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil

Resumo

O objetivo deste projeto é propor uma pesquisa sobre as distintas formas de ruralidades em áreas canavieiras, no município de Piracicaba/SP, que tem sua trajetória social e econômica marcada pela presença da atividade canavieira e pela figura social dos fornecedores de cana desde o fim do século XVIII. No entanto, a partir da década de 1970, os pequenos fornecedores que vinham passando por dificuldades estavam deixando de produzir cana destinando suas terras aos arrendamentos. Como resultado deste processo, admitia-se o esvaziamento populacional da área rural. Todavia, a partir dos dados estatísticos de 2011 e da pesquisa empírica qualitativa de caráter preliminar, é possível perceber que essas áreas rurais tão marcadas pela expansão canavieira, foram transformando-se configurando em alguns casos os chamados bairros rurais atuais, desenhando um cenário social diverso que merece ser investigado. A modernização da lavoura e seus desdobramentos, além das transformações econômicas analisadas por vários estudos, trazem a necessidade de investigações sobre seu impacto na reconfiguração social de suas áreas rurais, ampliando e aprofundando a compreensão das especificidades dessas áreas numa abordagem sociológica. Quem são e como vivem os moradores destes bairros? Quais são as transformações mais representativas? Quais particularidades observadas na forma de sua sociabilidade? A importância simbólica da terra, a compreensão do espaço rural como um espaço de vida e sociabilidade, a perpetuação do habitus camponês, a predominância de trabalhadores urbanos, são temas que permeiam esta reflexão. Desta forma, será realizada uma pesquisa quantitativa sobre os dados divulgados pelo IBGE e uma pesquisa empírica qualitativa em bairros rurais do município de Piracicaba - Santana\Santa Olímpia e Anhumas - cuja relevância populacional e o vínculo com o passado camponês são expressivos. Na pesquisa empírica serão utilizadas a história oral, a observação e a fotografia. Acredita-se que a partir desta investigação será possível trazer cenários e personagens que permanecem invisíveis, contribuindo para o debate sobre as distintas formas de ruralidades no Brasil contemporâneo.