Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos do Propofol em emulsão lipídica e em micro-emulsão na incidência de lesão endotelial. Estudo experimental em coelhos.

Processo: 11/19940-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2011
Vigência (Término): 30 de novembro de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Cirurgia
Pesquisador responsável:Luiz Antonio Vane
Beneficiário:Rafael Bicarato de Andrade
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FMB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Anestesiologia   Estudos experimentais   Propofol   Coelhos

Resumo

Introdução - O propofol é um dos fármacos mais utilizado na prática clínica do anestesiologista. O principio ativo do propofol é insolúvel em água, portanto, para permitir sua difusão nos compartimentos biológicos sem o comprometimento das propriedades anestésicas. Algumas formulações comerciais da ELP adicionam componentes de atividade antimicrobiana conhecida como o ácido etilenodiaminotetracético (EDTA) que também apresenta ação antioxidante. As complicações resultantes da síndrome de infusão prolongada (SIP) são: severa acidose metabólica, rabdomiólise, hipertrigliceridemia, insuficiência renal e cardíaca aguda. Pode acometer adulto e criança, embora pareça ser mais relatada em crianças submetidas a ritmos de infusão acima de 4 mg.kg-1.h-1 em períodos maiores que 24 horas. Na nova formulação, a ELP foi modificada com finalidade de proporcionar maior conforto ao paciente, na busca de superar ou minimizar o efeito indesejável da dor à injeção, fator negativo que estimulou esforços para aperfeiçoar a formulação do composto.Tendo em vista esta problemática, foi idealizado novo diluente para o propofol, baseado principalmente em microemulsões. Em substituição à emulsão lipídica, dispersão de água e óleo, contém partículas de 500 nm, a microemulsão apresenta partículas de tamanho menor que 100 nm. Esta nova forma farmacêutica é estabilizada por um emulsificante e por um coemulsificante transparente e termodinâmicamente estável. As microemulsões também apresentam baixa viscosidade, possuem grande capacidade para o transporte de fármacos, demonstram comprovada propriedade promotora de absorção para os fármacos veiculados e são mais facilmente obtidos, sem a necessidade de equipamentos sofisticados para sua produção. A nova formulação, microemulsão não lipídica de propofol (MP) foi sintetizada, com base na substituição de constituintes da fórmula e no método de obtenção da emulsão. Por se tratar de um produto em desenvolvimento, não foi fornecida a composição de sua formulação utilizada neste projeto, assim como, maiores detalhes de sua produção.Objetivo Principal - Comparar a incidência de lesão endotelial após a infusão de propofol em dose única e em infusão contínua com o diluente tradicional (emulsão lipídica) ou com diluente em microemulsão (proposto). Metodologia - Os animais serão divididos em 5 grupos de 6 animais: Grupo I-Controle (n=6) que receberão solução fisiológica 2 ml EV; Grupo II Propofol tradicional (n=6) que receberão propofol tradicional (2 mg/kg) em bolus EV; Grupo III Propofol modificado (n=6) que receberão propofol modificado (2 mg/kg) em bolus EV; Grupo IV Propofol tradicional (n=6) que receberão propofol tradicional (2 mg/kg) em infusão contínua EV por 60 min e Grupo V Propofol modificado (n=6) que receberão propofol modificado (2 mg/kg) em infusão contínua EV por 60 min. Serão estudados atributos hemodinâmicos, sanguíneos e teciduais. A análise estatística dos resultados será efetuada utilizando-se programa computacional em linguagem BASIC, empregando-se a Análise de Perfil (MORRISON, 1967), com os testes das hipóteses. Para as variáveis que apresentaram distribuição normal e homogeneidade de variâncias será utilizada a análise de perfil, caso contrário será realizado o teste de Friedman para comparação dos momentos em cada grupo e o teste de Kruskal Wallis para comparação dos grupos em cada momento. Para a variável volume de urina será também ajustado o modelo logístico para cada um dos grupos.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)