Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo de aumento de produção de óleo fúsel associado à produção de bioetanol

Processo: 11/18669-9
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 02 de fevereiro de 2012
Vigência (Término): 01 de março de 2012
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Química - Processos Industriais de Engenharia Química
Pesquisador responsável:Everson Alves Miranda
Beneficiário:Everson Alves Miranda
Anfitrião: Kris Arvid Berglund
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Química (FEQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Local de pesquisa : Michigan State University (MSU), Estados Unidos  
Assunto(s):Óleo fúsel   Bioetanol

Resumo

O desafio de se aumentar a produção de bioetanol no Brasil requer ações em todas as áreas envolvidas: a agrícola, a industrial, a de energia e a de sustentabilidade. Na frente industrial, o desenvolvimento de processo de produção de bioetanol de segunda geração é um dos temas mais estudados. Nesta direção, a produção por fermentação, a recuperação primária e a purificação parcial das enzimas hidrolíticas são passos chave que ainda necessitam de intensa pesquisa. Entretanto, otimizar o processo atual é prioritário e adicionar valor aos fluxos de saída da biorrefinaria através de melhoras na produção de subprodutos tem a relevância de contribuir na viabilidade econômica do negócio. O óleo fúsel, constituído principalmente de álcoois de três a seis carbonos produzidos por Saccharomyces durante a fermentação do bioetanol, é um destes subprodutos que merecem atenção, uma vez que ele é uma fonte verde de diversos compostos químicos. Entretanto, quase nenhuma pesquisa é encontrada na literatura neste assunto, exceto no que se relaciona ao seu papel no aroma e sabor de bebidas fermentadas. Sabe-se também de esforços isolados de algumas plantas industriais de bioetanol em melhorar seu processo. Em ambos os casos, o conhecimento fundamental é o mesmo: o caminho metabólico de Ehrlich é a via catabólica que leva de aminoácidos a álcoois fúseis. O objetivo deste projeto é realizar estudo preliminar no aumento de produção de óleo fúsel durante a fermentação de bioetanol. O pesquisador anfitrião possui conhecimento profundo em fermentação de bebidas alcoólicas, incluindo a formação dos álcoois fúseis, estando também envolvido em pesquisas em biorrefinaria. Assim este dois meses de estágio nos laboratório do anfitrião vão me assegurar o conhecimento básico para a implementação de uma nova linha de pesquisa dentro da área de biorrefinaria, além de permitir discussões aprofundadas em outros dois tópicos de interesse comum relacionados à este tema: recuperação de enzimas hidrolíticas e fermentação de ácido butírico. (AU)